Presidente do COI viaja para a Coreia do Norte

EFE

Seul, 29 mar (EFE).- O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, deixou nesta quinta-feira a China tendo a Coreia do Norte como destino, onde deve ser reunir com autoridades do país para discutir questões esportivas.

Bach tomou hoje um dos voos diretos da companhia aérea norte-coreana Air Koryo, que partiu do aeroporto internacional de Pequim para Pyongyang, ao lado de outros membros do órgão, segundo constatou a agência sul-coreana "Yonhap", que fotografou a chegada do dirigente alemão.

A viagem não foi anunciada nem por Pyongyang ou pelo COI, por isso é desconhecido até o momento a duração e a agenda da visita de Bach.

No mês passado, o presidente do COI havia anunciado sua intenção de viajar para o fechado país asiático após os Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, na Coreia do Sul, o palco escolhido pela Coreia do Norte para protagonizar uma histórica aproximação com seu vizinho.

Pyongyang convidou Bach para visitar o país durante as negociações realizadas em janeiro com Seul e COI para sua participação nas Olimpíadas, onde os atletas dos dois países desfilaram juntos.

Bach mostrou em várias ocasiões sua "satisfação" pelos gestos de abertura protagonizados pelas duas Coreias e da "mensagem poderosa de paz lançada ao mundo inteiro" nos Jogos. EFE


Leia também