Wenger fala de dupla de astros: 'Acredito que os dois querem ficar'

Técnico francês renovou por mais uma temporada (Foto: Ben Stansall / AFP)

Às vésperas do retorno da Premier League, onde irá receber o Manchester City, o técnico Arsène Wenger foi abordado sobre as embaraçosas situações dos astros Özil e Sánchez. A dupla tem o contrato encerrando em junho de 2018 e sempre é ventilada em outros gigantes europeus.

- Eu acho que sempre que você vai para os dois, três últimos meses de temporada, todo mundo fica mais focado e dá mais tempo e uma atmosfera mais relaxada entre duas temporadas. Eles não estarão sem contrato no fim desta temporada. Eu, pessoalmente, acredito que os dois querem ficar e espero que o clube chegue a um acordo com eles - disse o comandante dos Gunners, completando, especificamente, a respeito do atacante:

- Eu acho, pessoalmente, que ele está feliz aqui. É verdade que nós não estendemos seu contrato ainda. Eu espero que ele fique no clube, mas em geral, eu acho que você precisa ser muito cuidadoso quando as pessoas dão entrevistas em seus próprios países. Ele disse que quer ganhar o campeonato, é o que todo mundo quer. Eu consigo entender completamente.

Na última quarta-feira, de volta de jogos pelas Eliminatórias com a seleção chilena, Sánchez salientou que pretende seguir em Londres, o que pôde ser interpretado como uma possível aceitação às investidas do arquirrival Chelsea.

Por fim, o contestado Wenger comentou sobre a sua situação. Técnico mais longevo do futebol europeu, o treinador francês tem visto torcedores do Arsenal pedirem sua queda com cada vez mais frequência.

- Hoje não (vou divulgar), mas eu tenho claramente na minha cabeça. Mas, de qualquer maneira, vou ficar dois meses ou dois anos? Meu comprometimento vai ser exatamente o mesmo. O tempo que ficarei aqui não influencia na minha atitude. Eu sempre tenho as coisas bem claras na minha cabeça e vou continuar assim. Eu acho que é um assunto que não deveria ser tratado agora. Não tenho nada mais a falar sobre isso - concluiu.









E MAIS: