VP do Flamengo e Bruno Henrique criticam atuação do VAR em lance que anulou expulsão de Kayzer, do Athletico

·1 min de leitura


Aos 32 minutos da primeira etapa, Renato Kayzer, do Athletico, agrediu Léo Pereira, do Flamengo, com socos e chute, e o árbitro Marielson Alves (BA) o expulsou de forma direta. O árbitro de vídeo, Marcio Henrique de Gois (SP), contudo, pediu a revisão do lance, e o juiz acabou voltlando atrás de sua decisão após consultar o vídeo, mostrando o cartão amarelo para o camisa 79 do Furacão na Arena da Baixada. O lance gerou reclamações dos rubro-negros.

- E essa expulsão cancelada pelo VAR ?? Brincadeira! - publicou Rodrigo Dunshee, vice-presidente geral e jurídico do Flamengo nesta terça-feira.

- Se sou eu nesse lance, o árbitro, o VAR tinha me expulsado. Brincadeira isso - reclamou o atacante Bruno Henrique, fora da partida cumprindo suspensão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos