De volta após lesão, Fábio não se garante titular do Cruzeiro

Titular do Cruzeiro por longos anos e dono do titulo de jogador que mais vestiu a camisa do clube, em 705 partidas, o goleiro Fábio está de volta após mais de seis meses fazendo tratamento. Nesse tempo, Rafael assumiu a posição e se deu bem. Agora, contra o Democrata-GOV, neste domingo, no Mineirão, o antigo arqueiro principal estará de volta. Ele comemorou o retorno, disse que precisa mostrar trabalho novamente e não se garante como titular.

“Eu sempre tive sombra, mas dentro de campo mostrei meu potencial, meu trabalho e minha dedicação. Sempre respeitei todos os goleiros, com muito trabalho e ambiente saudável, desde que cheguei. Com o Rafael foi da mesma forma. Quando ele subiu da base, passou pelo mesmo. Este momento foi importante não só pra ele, mas para o Cruzeiro”, disse Fábio, que completou.

Leia também: Cruzeiro trabalha na Toca e tem três baixas para o fim de semana

Existia uma desconfiança, mas o Rafael fez muito bem a função, assumiu o gol do Cruzeiro. Quanto a ser titular ou reserva, depende do critério do treinador. Eu tenho que ter oportunidade para jogar. Se eu não mantiver o nível do Rafael, não tem problema em ficar no banco para o Rafael, isso faz parte do futebol. Dentro de campo é que se resolve, e graças a Deus estou tendo esta oportunidade novamente”.

Longe dos gramados há mais de seis meses, o goleiro se mostrou animado por voltar a jogar pelo Cruzeiro e lembra quando chegou a Raposa.

“Expectativa boa. É sempre importante e prazeroso você ter a oportunidade de voltar a jogar, ainda mais depois de um tempo longo. Todo o trabalho que foi feito na recuperação dessa lesão foi feito com empenho. Todos que fizeram parte da cirurgia até o dia de hoje. Agora que a hora de concretizar o retorno. É como se fosse o primeiro jogo, a estreia. Ter a oportunidade de vestir a camisa do Cruzeiro novamente. Independentemente do adversário e da tabela, minha motivação é interna, pra aproveitar estes momentos que trazem tanta alegria pra nós”, finalizou.