Volta de laterais diminui espaço de Guilherme Biro no Corinthians

Fábio Lázaro
·1 minuto de leitura


O retorno dos laterais-esquerdo Fábio Santos e Lucas Piton ao Corinthians, após período afastados por conta do diagnóstico por Covid-19, fez com que o garoto Guilherme Biro, de 16 anos perdesse espaço no elenco principal.

Destaque no time sub-17, a prata da casa treinou no time profissional na última semana, foi relacionado contra Ponte Preta e São Caetano, nas duas últimas rodadas do Paulistão, mas não chegou a entrar em campo, sendo preterido, em ambas as ocasiões, pelo zagueiro Bruno Méndez, improvisado no setor canhoto defensivo.

Agora, com Fábio, titular da função, e Piton, reserva imediato, liberados para voltar a campo, Biro nem viajou com o elenco do Timão para Pernambuco, onde o clube encara o Salgueiro, nesta quarta-feira (17), às 21h30, no estádio Cornélio de Barros Muniz, pela primeira fase da Copa do Brasil.

Contra Macaca, Guilherme Biro ficou apenas entre os reservas porque teve pouco tempo para ser observado pelo técnico Vagner Mancini junto aos profissionais. O treinador, portanto, optou por deslocar o zagueiro João Victor para a lateral-direita, e Méndez, que vinha já vinha sendo improvisado na destra, por conta da ausência de Fagner, foi encaixado do lado oposto, algo que nunca havia feito na carreira.

Uma semana depois, a expectativa é que Biro ganhasse uma chance entre os titulares, mas Mancini optou por manter Bruno Méndez na lateral-esquerda contra o Azulão. E foi justamente do uruguaio o gol da vitória mínima do Timão, no ABC Paulista.

>> Confira a tabela do Campeonato Paulista e simule os próximos jogos