Volante da Holanda defende equipe das críticas pelas atuações na Copa do Mundo

De Roon disse que Holanda busca melhorar seu futebol na Copa do Mundo (Foto: Alberto PIZZOLI/AFP)


De Roon, volante que defende a Atalanta, da Itália, e está no elenco da Holanda na Copa do Mundo, saiu em defesa do grupo após questionamento sobre o desempenho dos atletas no Qatar. Em coletiva, o jogador de 31 anos afirmou que o time "não joga mal conscientemente".

- Eu realmente não entendo a discussão de fora sobre o jogo, porque eu não leio muito. Qual é o objetivo disso? - disse De Roon depois de ser questionado sobre o valor do entretenimento - Tentamos encontrar soluções internamente, porque não jogamos mal conscientemente - declarou.

O meio-campista ainda acrescentou que o elenco busca melhorar as atuações para divertir o público no Mundial. No entanto, ressaltou que esse não é o objetivo principal da Laranja no torneio.

- Gostaria de ser campeão mundial. Mas é claro que todo mundo quer jogar bem, vencer e ser campeão. Estamos procurando, isso está claro. Mas o bom é que ainda não perdemos. Apesar de não jogarmos bem, conseguimos resultados. Isso dá confiança de que as coisas só podem melhorar - afirmou.

+ Invencibilidades de Van Gaal serão colocadas à prova nas oitavas da Copa do Mundo

Para ele, a Holanda conseguiu fazer bons jogos nas Eliminatórias da Europa e isso seria um indício que o desempenho da seleção vai melhorar no Qatar. Na classificatória, a Laranja colecionou algumas goleadas.

- Nas fases iniciais mostramos um bom futebol. Ainda não está saindo (o bom jogo), mas temos que continuar acreditando nele. Nosso primeiro pensamento, claro, não é o entretenimento. Mas sabemos que com mais entretenimento também será melhor para nós - completou.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Classificada às oitavas de final, a Holanda enfrenta os Estados Unidos no sábado, às 12h (de Brasília). A partida acontece no estádio Khalifa International, em Doha.