Vitória é efetivo no segundo tempo contra o Rio Branco-ES e avança na Copa do Brasil

Futebol Latino
·4 minuto de leitura


Em jogo pela segunda fase da Copa do Brasil, o Vitória enfrentou o Rio Branco-ES no Manoel Barradas, o Barradão. Superior durante os 90 minutos, a equipe de Rodrigo Chagas desperdiçou inúmeras chances no primeiro tempo, mas na volta do intervalo fez dois gols nos cinco primeiros minutos e fez o placar de 2 a 0 para avançar para a próxima fase do torneio nacional.

Com a ida para a terceira fase, o Vitória vai receber R$ 1,7 milhão como cota de participação. Agora o Rubro-Negro baiano aguarda sorteio para saber quem será seu adversário na próxima etapa da Copa do Brasil.

VITÓRIA MELHOR NO COMEÇO

O jogo começou movimentado. Jogando em casa, o Vitória tomou as iniciativas e teve mais chances de perigo principalmente com o garoto David, que deu trabalho para a defesa do Rio Branco nos primeiros minutos. Seu companheiro de ataque, Samuel, por pouco não marcou um golaço de voleio aos 10 minutos.

O Capa-Preta apesar de mostrar muita vontade, encontrou muitas dificuldades para furar o bloqueio defensivo do Vitória.

PARA FORAAAA!

O Rio Branco fez uma boa trama pela esquerda em uma das raras oportunidades do Capa-Preta no primeiro tempo. Arthur chegou próximo da área esquerda e cruzou a meia altura na meia-lua, Geovane Lobo não conseguiu dominar e ela sobrou para Vandinho, que chutou aos 23 minutos e assustou o Vitória na chance mais clara de gol até aqui.

DOMÍNIO RUBRO-NEGRO NO PRIMEIRO TEMPO

A bola ficou no pé do Vitória durante todos os 45 minutos, praticamente. A equipe comandada por Rodrigo Chagas tinha mais tranquilidade para trabalhar a bola no ataque e teve algumas chances para abrir o marcador no Barradão. David, Samuel e Vico foram alguns dos personagens que poderiam ter balançado as redes na etapa inicial. O último citado ainda acertou a trave nos acréscimos do período.

O Rio Branco, por sua vez, assistiu o Vitória jogar e teve remotas oportunidades no campo de ataque. A arma do Capa-Preta era tentar roubar a bola dos mandantes e sair no contra-ataque rápido, o que fez com que a equipe do Espírito Santo deixasse a desejar nos primeiros 45 minutos. O destaque do time foi o goleiro Diogo, que evitou como pôde os gols do Leão.

VOLTA DO INTERVALO TEVE GOLS RELÂMPAGOS DO VITÓRIA

Melhor no primeiro tempo, o Vitória deve ter ligado o alerta nos vestiários em relação a ser efetivo nos chutes. No segundo e terceiro arremates do Rubro-Negro na etapa final, David e Gabriel Bispo fizeram dois gols com apenas cinco minutos de jogo.

O primeiro foi de David, que aproveitou escanteio cobrado por Vico e subiu sozinho para fazer o primeiro aos três minutos. Dois minutos depois, a defesa do Rio Branco errou, Gabriel Bispo ficou com a bola, invadiu a área e chutou na saída de Diogo.

RIO BRANCO TEVE DUAS CHANCES E O VITÓRIA RESPONDEU NA TRAVE

Aos 15 minutos, Rafael Castro levou a melhor na dividida contra Wallace Reis e arriscou, mas o atacante mandou por cima. Dois minutos mais tarde, Gugu fez bom levantamento na área em cobrança de falta, mas Luan cabeceou para fora.

A resposta do Vitória veio rápida. Vico pegou a sobra e de canhota chutou da entrada da área, a bola, porém, pegou em cheio no travessão.

QUE FOMINHA!

O Vitória poderia ter feito o terceiro e matado o jogo próximo dos 30 minutos, mas Ygor Catatau, que entrou no segundo tempo, recebeu passe em profundidade e ficou cara a cara com Diogo. Ele tinha a opção clara de tocar para David, mas o camisa 20 chutou e viu o arqueiro adversário fazer a defesa.

VITÓRIA SEGUIU FIRME ATÉ O FIM

Mesmo com o placar confortável, o Vitória seguiu firme para tentar ampliar o placar. Aos 44 minutos, David chutou colocado e Gott, que substituiu Diogo, defendeu. Já aos 47, Catatau invadiu a área pela direita e chutou e Gott fez nova defesa.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X RIO BRANCO-ES - SEGUNDA FASE DA COPA DO BRASIL
Estádio: Barradão, Salvador - BA
Data e hora: 7 de abril de 2021, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Thiago Luis Scarascati (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Gramado: Regular
Cartões amarelos: -
Cartões vermelhos: -

GOLS: David, 3'/2ºT (1-0), Gabriel Bispo, 5'/2ºT (2-0)

VITÓRIA (Técnico: Rodrigo Chagas)
Lucas Arcanjo; Raul Prata (Van, aos 30'/2ºT), Marcelo, Wallace Reis e Pedrinho; Gabriel Bispo (Maykon Douglas, aos 31'/2ºT), Cedric e Alisson Farias (Walter, aos 30'/2ºT); Vico (Ygor Catatau, aos 20'/2ºT), Samuel (Eron, aos 37'/2ºT) e David.

RIO BRANCO (Técnico: Wesley Martinelli)
Diogo (Gott, aos 35'/2ºT); Gugu, Luan, Petróleo e Arthur; Gian (Ronicley, aos 11'/2ºT), Gil Mineiro e Geovane Lobo (Matheus Bidick, aos 16'/2ºT); Paulinho, Rafael Castro e Vandinho (Douglas Dias, 36/2ºT).