De virada, Red Bull Bragantino bate o Cuiabá e encerra jejum de vitórias no Brasileirão

Red Bull Bragantino levou a melhor sobre o Cuiabá em confronto disputado no estádio Nabi Abi Chedid (Foto: Divulgação/Red Bull Bragantino)


Medindo forças pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, Red Bull Bragantino e Cuiabá entraram em campo na noite desta quarta-feira, no estádio Nabi Abi Chedid. E os donos da casa mostraram sua força. Após sair em desvantagem com gol de Deyverson, de pênalti, o Massa Bruta conseguiu a virada com Popó e Artur, fazendo 2 a 1, encerrando uma sequência de novo jogos sem triunfar, aliviando a situação do time na competição.

Com o resultado, o Massa Bruta chegou aos 38 pontos, pulando para a 10ª colocação. Já o Dourado, por conta do tropeço fora de casa, acabou estacionando na 17ª posição, com seus 30.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

INÍCIO DE JOGO EQUILIBRADO

Mesmo tentando fazer valer o fator casa, o Red Bull Bragantino sabia das dificuldades que teria diante do Cuiabá. No entanto, logo no início, apesar de subir a marcação visando a dificultar a saída de bola do rival, pouco deu trabalho ao goleiro João Carlos como no chute de Hyoran, além da finalização de Helinho, mas que acabou indo para fora.

Já pelo lado do Dourado, até os 15 minutos, chegou a assustar o goleiro Cleiton. Arriscando de fora da área, o camisa 7 viu a bola sair por muito pouco para sua frustração.

CUIABÁ MARCA, MAS RED BULL EMPATA NA SEQUÊNCIA

Passado o momento, o time de António Oliveira então foi para cima. Até que aos 33 minutos, após o VAR indicar um possível pênalti de Cleiton sobre André Luís, o árbitro então apontou a marca da cal. Na cobrança, Deyverson deslocou o camisa 18 para inaugurar o marcador em Bragança Paulista.

No entanto, já nos acréscimos, o Massa Bruta conseguiu arrancar o empate. Aos 49 minutos, Wilker Popó, aproveitando rebote de João Carlos na tentativa de Aderlan, mandou para o fundo da rede igualando tudo.

RED BULL ADOTA POSTURA OFENSIVA E CONSEGUE A VIRADA

Com apenas os visitantes mudando seu esquema tático para a etapa complementar, quem acabou voltando melhor foram os donos da casa. Após duas tentativas seguidas de Wilker Popó e Hyoran, porém ambas sem sucesso, aos 14 minutos, Artur, em jogada iniciada por Helinho, tabelou com Lucas Evangelista antes de mandar a bomba sem chances para João Carlos.

MASSA BRUTA SEGURA RESULTADO ATÉ O FIM

Com 2 a 1 no marcador, a equipe local passou a ficar mais tranquila em campo. Apesar do Cuiabá mostrar disposição para encontrar espaços em campo, além de exigir trabalho por parte de Cleiton em chance como a de Osorio, Mauricio Barbieri então decidiu promover algumas trocas tentando manter o placar.

Já na reta final de partida, por muito pouco não conseguiu marcar o terceiro tento com Carlos Eduardo, com a bola acertando a trave rival. Sendo assim, foi a deixa para o árbitro encerrar o duelo momentos depois para festa da torcida do Red Bull em Bragança Paulista.

FICHA TÉCNICA
Red Bull Bragantino 2x1 Cuiabá


Data e horário: 05/10/2022 - 19h (de Brasília)
Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Leone Carvalho Rocha (GO)
VAR: Rafael Traci (SC)

Cartões amarelos: Pepê, 42'/1ºT; Denilson, 49'/1ºT; Gustavo Nescau, 29'/2ºT; Aderlan, 40'/2ºT

Gols: Deyverson, 33'/1ºT (1-0); Werik Popó, 49'/1ºT (1-1); Artur, 14'/2ºT (2-1)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Léo Realpe, Natan e Ramon (Jadsom Silva, aos 28'/2ºT); Raul, Lucas Evangelista e Hyoran (Eric Ramires, aos 27'/2ºT); Artur (Kevin, aos 48'/2ºT), Werik Popó (Carlos Eduardo, aos 25'/2ºT) e Helinho. (Técnico: Maurício Barbieri)

CUIABÁ: João Carlos; Daniel Guedes (Osorio, aos 28'/2ºT), Alan Empereur, Joaquim Henrique e Igor Cariús (João Lucas, aos 47'/1ºT); Camilo (Marcão Silva, no intervalo), Denilson e Pepê; Valdivia (Gabriel Pirani, aos 14'/2ºT), André Luís (Gustavo Nescau, aos 28'/2ºT) e Deyverson. (Técnico: António Oliveira)