De virada, RB Leipzig vence PSG pela Liga dos Campeões

LANCE!
·2 minuto de leitura


Desfalcado da dupla de craques Neymar e Mbappé, o PSG foi derrotado pelo RB Leipzig por 2 a 1, nesta terça-feira, pela terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, na reedição da semifinal da temporada passada. O time de Paris viajou até a Alemanha, saiu na frente, mas sofreu a virada dos donos da casa e embolou ainda mais o Grupo H da Champions. Nkunku e Forsberg, de pênalti, marcaram os gols da vitória do time da casa. Di Maria descontou.

Com o resultado, o RB Leipzig se recupera após goleada do Manchester United e iguala os seis pontos dos ingleses no Grupo H. O PSG permanece em terceiro lugar com três pontos conquistados.

As equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 24, na quarta rodada da Champions. Desta vez na França, o PSG recebe o RB Leipzig no Parque dos Príncipes.

O JOGO
O PSG começou melhor a partida e abriu o placar logo aos cinco minutos. Upamecano errou na saída, Kean roubou a bola e lançou para Di María tocar com categoria na saída de Gulácsi. O RB Leipzig respondeu logo em seguida. Aos 7 minutos, Haidara chutou forte e obrigou Navas a fazer grande defesa.

O Paris explorava a defesa alta do time alemão e quase ampliou o placar. Aos 14, Kean foi lançado nas costas da defesa, dominou e chutou. A bola desviou no braço de Upamecano e a arbitragem marcou pênalti. Di Maria pegou a bola, bateu mal e viu Gulácsi espalmar a cobrança.

Além do pênalti, a arbitragem trabalhou bastante no primeiro tempo. Aos 37, novamente explorando a defesa alta, Di Maria saiu cara a cara com o goleiro e marcou, mas o impedimento foi assinalado. No minuto seguinte, aos 38, Sarabia arriscou, o goleiro deu rebote e Kean aproveitou para mandar pro gol. Apesar disso, o jogador estava adiantado e o PSG teve outro gol anulado.

'Quem não faz, leva.' Sem perder a organização, o time alemão conseguiu equilibrar a partida e chegou ao empate no fim do primeiro tempo. Nkunku recebeu de fora da área e chutou colocado no canto para vencer Navas e empatar aos 42 minutos.

Na volta do segundo tempo, os donos da casa pareciam mais organizados e não demorou para pular a frente do placar. Aos 10 minutos, Kimpembe usou o braço para cotar o cruzamento e o árbitro marcou pênalti. Forsberg bateu bem e colocou o RB na frente.

O PSG perdeu a cabeça e começou a abusar das faltas. Aos 23, Gueye chegou atrasado em Haidara e foi expulso. O time alemão passou a dominar a partida e o PSG não assustava mais. Caminhando para o fim do jogo, Kimpembe fez falta dura, levou o segundo amarelo e também foi expulso. O RB Leipzig garantiu uma vitória importante e empatou com o Manchester United na liderança do grupo.