Vinicius Junior defende o Rodrygo após agressão em jogo do Real

Vinicius Junior cobrou Fali, zagueiro do Cádiz, por dura entrada no brasileiro Rodrygo. Foto: Diego Souto/Quality Sport Images/Getty Images
Vinicius Junior cobrou Fali, zagueiro do Cádiz, por dura entrada no brasileiro Rodrygo. Foto: Diego Souto/Quality Sport Images/Getty Images

Nesta quinta-feira (10), o Real Madrid buscava voltar às vitórias depois de sofrer uma derrota surpreendente contra o Rayo Vallecano no último fim de semana. E eles fizeram exatamente isso ao sair vitoriosos por 2 a 1 no confronto da La Liga no Santiago Bernabéu.

O brasileiro Éder Militao abriu o placar e Toni Kroos fez o segundo dando aos merengues uma vantagem de dois gols ainda no meio da segunda etapa. Lucas Perez diminuiu um pouco no final, mas foi o gol de honra, já que o Real conseguiu segurar o triunfo.

Leia também:

Mas o assunto pós jogo não foi a reabilitação do Real e sim um desentendimento de Rodrygo com o zagueiro do Cádiz, Fali. O Real estava no ataque quando o brasileiro caiu após uma disputa com o zagueiro. Rodrygo sentiu a entrada e ficou no chão enquanto o ataque do Real continuava.

Vinicius Jr viu o momento e, quando o ataque do Real fracassou, correu em defesa do companheiro. Após o desentendimento, Vini Jr e Fali receberam cartão amarelo.

Após o jogo Rodrygo se mostrou furioso e afirmou que as ações de Fali foram deliberadas.

“Acho que a coisa com Fali não é um acidente, ele fez de propósito. É uma vergonha porque ele me disse depois que não fez nada. Não sei por que o VAR está lá. É um ataque que não tem lugar no futebol”, disse ele ao site oficial do Real Madrid.

Fali, por sua vez, deu uma versão diferente sobre o que aconteceu no lance com Rodrygo.

“Nesta ação, talvez, eu fui um pouco longe demais. Não é para machucá-lo. A imagem estática parece ser mais do que é. Eu tento agarrar sua cabeça. Ele diz que eu lhe dei uma cotovelada e eu digo que não” se defendeu o defensor que ainda pode ser punido pela comissão disciplinar da federação espanhola.

A vitória do Real levou o time da capital espanhola aos 35 pontos, dois a menos que o líder Barcelona. O campeonato espanhol só volta a ter partidas após a Copa do Mundo, com jogos previstos para o fim de semana da virada do ano.