Vina perde pênalti e chance da virada do Ceará, e Vozão só empata com Botafogo-PB na Copa do Nordeste

Futebol Latino
·4 minuto de leitura


Pela quinta rodada da Copa do Nordeste, Botafogo-PB e Ceará duelaram no Estádio Almeidão, em João Pessoa. E o confronto de equipes de situações distintas na tabela da 'Lampions League' teve o Vozão começando melhor, mas não sendo efetivo. Melhor para o Belo, que em uma das raras chances no primeiro tempo abriu o placar com Welton Felipe. Ainda no início da etapa final, Jael, que entrou no intervalo, igualou o marcador e a equipe cearense ainda teve a chance de virar com Vina em cobrança de pênalti, mas o camisa 29 desperdiçou a cobrança. No fim, a partida acabou em 1 a 1.

Com o empate, o Botafogo permanece na sétima colocação do grupo B com quatro pontos. Mas com mais três rodadas pela frente, mantém chances de classificação na Copa do Nordeste.

O Ceará se encontra em situação mais confortável que o Belo, já que é terceiro colocado com sete pontos. Porém o Vozão mantém o alerta ligado, já que consegue ver pelo retrovisor outros rivais chegando para tentar tirar a equipe do G-4.

ÂNIMOS EXALTADOS ENTRE ÁRBITRO E JOGADORES

O jogo ainda estava em seu início, mas os ânimos já estavam altos. Aos nove minutos, o árbitro Rafael Salgueiro e Vina, do Vozão, bateram boca no meio-campo.

Não demorou muito para o juiz novamente ser alvo de críticas. Rodrigo Ramos foi tocado por trás e caiu no gramado, mas o comandante da partida mandou o jogo seguir e o lateral ficou na bronca com Rafael Salgueiro.

QUE JOGO FRACO

A partida chegou na metade do primeiro tempo e nenhum chute ao gol ainda havia sido disparado. O Ceará teve mais posse de bola e tentava encontrar brechas, mas o Botafogo estava bem postado e dificultou muito a vida do Vozão onde por diversas vezes interrompeu situações de ataque. Enquanto isso, o Alvinegro da Estrela Vermelha pouco criava.

O primeiro chute do confronto saiu apenas aos 25 minutos com Marcos Aurélio, que arriscou de fora da área e Richard caiu para ficar com a bola em dois tempos.

BOTAFOGO CRESCEU NO DUELO E FEZ O GOL

Logo depois do chute de Marcos Aurélio, o Belo gostou da atitude e repetiu o ato com Rodrigo Ramos. O lateral arriscou uma pancada de muito longe e viu Richard espalmar para evitar o gol.

Não demorou muito para o Botafogo-PB voltar ao ataque. Em uma falha de ataque depois de uma cobrança de escanteio do Ceará, o zagueiro Joaquim deu uma de atacante e arrancou da sua área de defesa até a área de ataque e tocou rasteiro para Welton, que tocou na saída de Richard para abrir o placar.

NA TRAVEEE... QUE ISSO!!!

Logo na volta do intervalo, o Vozão voltou disposto a mudar o panorama do jogo ainda nos minutos iniciais. Aos dois minutos, a bola acabou sobrando para Vina e o camisa 29 do Ceará chutou de chapa e acertou o travessão de Felipe.

JAEL, O CRUEL, ENTRA E EMPATA O PLACAR

Guto Ferreira viu a queda de rendimento do seu time no último terço do primeiro tempo. Com isso, tirou Felipe Vizeu e colocou Jael no intervalo e o resultado deu certo.

Aos 11 minutos, Eduardo cruzou a meia altura da direita e Jael se esticou para marcar o gol que igualou o placar no Estádio Almeidão.

PÊNALTI PARA O CEARÁ QUE FOI DESPERDIÇADO POR VINA

Aos 27 minutos, Mendoza em velocidade foi derrubado por Rodrigo Ramos. Rafael Salgueiro logo assinalou a penalidade máxima.

Vina assumiu a responsabilidade, mas chutou forte e no alto, mas a bola acabou passando por cima do travessão.

CEARÁ CONTINUOU EM CIMA ATÉ O FIM

O Botafogo perdeu forças para seguir em cima do Ceará e viu o Vozão crescer em busca da virada. A equipe de Guto Ferreira apostou muitas vezes na velocidade e troca de passes. Aos 38 minutos, Oliveira chutou forte e Felipe se esticou para salvar o que seria a virada do time cearense.

Em uma das jogadas de ataque no fim do jogo, Roniel tentou driblar Bruno Pacheco e caiu afirmando que recebeu o toque do lateral do Vozão, mas o árbitro mandou o jogo seguir. A comissão técnica do Belo foi à loucura.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-PB X CEARÁ - 5ª RODADA DA COPA DO NORDESTE
Estádio: Almeidão, em João Pessoa (PB)
Data: 25 de março de 2021, às 21h (de Brasília)
Árbitro: Rafael Carlos Salgueiro (CBF-AL)
Assistentes: Ruan Luiz de Barros (CBF-AL) e Ana Paula dos Santos (CBF-AL)
Gramado: Bom
Cartões amarelos: Tsunami, Savio, Clayton (BPB) / Jael, Oliveira, Marlon (CEA)
Cartões vermelhos: -

GOLS: Welton Felipe, 34'/1ºT (1-0); Jael, 11'/2ºT (1-1)

BOTAFOGO-PB (Técnico: Marcelo Vilar)
Felipe; Rodrigo Ramos (Lagoa, aos 32'/2ºT), Samuel Souza, Joaquim e Tsunami (Lucas Gabriel, aos 32'/2ºT); Rogério, Juninho, Marcos Aurélio (Clayton, aos 20'/2ºT) e Pablo; Welton Felipe (Roniel, aos 20'/2ºT) e Rafael Oliveira (Sávio, no intervalo).

CEARÁ (Técnico: Guto Ferreira)
Richard; Eduardo, Gabriel Lacerda, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral (Marlon, aos 39'/2ºT) e Vina (Jorginho, aos 33'/2ºT); Mendoza, Felipe Vizeu (Jael, no intervalo) e Saulo Mineiro (Yony González, aos 20'/2ºT).