Vicente Luque busca entrar no top 15 com vitória no UFC Londres

Vicente tenta quinta vitória consecutiva entre os meio-médios neste sábado, na Inglaterra

A fase de Vicente Luque é espetacular. Em seus últimos quatro compromissos no octógono, ele não deu chances aos oponentes e nocauteou ou finalizou todos. Assim, embalado, ele está em Londres, na Inglaterra, para entrar em ação no card preliminar do UFC Fight Night, neste sábado. O desafio da vez será contra Leon Edwards, inglês e que contará com grande parte da torcida presente na O2 Arena, palco do show. Mas nada tira o foco do brasileiro: ele quer a vitória para, enfim, figurar no top 15 da categoria meio-médio (até 77,1 kg). O Combate transmite, ao vivo, todas as lutas do card a partir das 14h25 (horário de Brasília).

Atualmente, Luque é o lutador com maior sequência de vitórias fora da lista dos 15 melhores da divisão. Dentro do ranking, apenas três atletas ostentam números iguais ou superiores: Demian Maia (seis vitórias), Santiago Ponzinibbio e Kamaru Usman (também com quatro triunfos). Um novo resultado positivo, muito provavelmente, deixará Luque no top 15, e essa possibilidade serve como motivação extra para o combate.

- Eu estou me sentindo muito bem com tudo o que vem acontecendo comigo nos últimos anos. Sem lesões, corpo bem, cabeça boa, evoluindo nos treinamentos, e isso tudo tem refletido em meus resultados. São quatro boas vitórias seguidas, mas quero mais. Quero engatar a quinta e aparecer entre os tops da categoria. Estou subindo degrau por degrau, e esse é o meu foco do momento - avisa o lutador que nasceu em New Jersey, nos Estados Unidos, e foi criado em Brasília.

A caminhada invicta de Vicente Luque, de 25 anos, no UFC começou em dezembro de 2015, quando ele finalizou Hayder Hassan. Cinco meses antes, em sua primeira luta pela organização, ele amargou seu único revés no octógono. Michael Graves levou a melhor na decisão dos juízes laterais. Em 2016, Luque viveu seu melhor ano na carreira. Três vitórias acachapantes sobre Alvaro Herrera, Hector Urbina e Belal Muhammad, respectivamente.

Para seguir com êxito, o treinamento foi dividido em duas partes: uma Brasil e outra nos Estados Unidos. Em Brasília, ele iniciou o camp sob a batuta de Daniel Evangelista na Cerrado MMA, sua equipe. Há um mês, arrumou as malas e encerrou suas atividades visando a luta nos Estados Unidos, se dividindo em treinos de muay thai, wrestling, judô e jiu-jitsu.

- Tive um camp muito bom, com o tempo ideal para chegar 100% para lutar. Estava em Brasília, então iniciei os treinamentos por lá, focando nas combinações em pé e no chão. Nos Estados Unidos, tive o suporte do Durinho e do Henri Hooft, então estou com o chão e a trocação bem afiados. Treinei muito wrestling com o Neil Melanson também, além de judô com os irmãos Villeforts, meus amigos e que me receberam muito bem na Flórida. Enfim, estou pronto para fazer uma grande luta - garante.

E para superar o perigoso Leon Edwards, além de todos os treinos supracitados, Luque contou com dicas preciosas de um amigo e companheiro de treino que já lutou e venceu o inglês. Kamaru Usman é o responsável pela última derrota de Edwards, em dezembro de 2015, exatamente no mesmo dia no qual começou a invencibilidade atual de Luque.

- Tive com Kamaru nos Estados Unidos e conversamos muito sobre a luta dele contra o Leon Edwards. Ele me deu umas dicas, uns toques do que ele costuma fazer na luta. Foi importante, aproveitei bem porque os dois são canhotos, então o Kamaru simulou muito em nossos treinos o que o Edwards faz no octógono. Sei o caminho da vitória, e agora vou colocar meu jogo, meu ritmo de luta, para ser melhor no sábado - encerra.

Confira as lutas do UFC FIght Night Londres
​Jimi Manuwa x Corey Anderson
Gunnar Nelson x Alan Jouban
Brad Pickett x Marlon Vera
Arnold Allen x Makwan Amirkhani
Joseph Duffy x Reza Madadi
Card preliminar
​Darren Stewart x Francimar Bodão
Daniel Omielanczuk x Timothy Johnson
Marc Diakiese x Teemu Packalen
Tom Breese x Oluwale Bangbose
Leon Edwrads x VIcente Luque
Ian Entwistle x Brett Johns
Bradley Scott x Scott Askham
Lina Lansberg x Lucie Pudilova





























E MAIS: