Vice da CBF, Elias Noveletto ‘culpa’ Palmeiras por calendário apertado: ‘Quem mandou ganhar tudo?’

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·1 minuto de leitura


Em entrevista à Radio Bandeirantes, nesta sexta-feira (19), Elias Noveletto, vice-presidente da CBF falou sobre o calendário apertado que o Palmeiras vem encarando nesta temporada. Em tom de brincadeira, o cartola “culpou” o bom desempenho do Verdão pelo número excessivo de jogos:

– Pô, vão pagar R$ 60 milhões para o campeão do nacional. Pagaram sei lá, R$ 90 milhões para a Copa do Brasil. A Libertadores é mais 20 milhões de dólares. Então é tudo assim. Eles não são obrigados… Quem mandou eles ganharem? Ganhem só metade, para não ter esse problema (de calendário)” – afirmou Elias

O vice ainda comentou sobre o fato dizendo que o presidente do Palmeiras, Mauricio Galiotte, não abre mão de competições por conta das premiações.

– Vê se o presidente do Palmeiras, se algum dirigente abre mão… Ele não é obrigado a jogar. Ele quer ganhar! Ele pode abrir mão, não é obrigado. Mas não, precisa fazer caixa, ganhar prêmio da CBF, ganhar prêmio de quem patrocina os campeonatos – comentou o cartola

Com 76 jogos somados na até aqui, o Palmeiras é o time com mais jogos no Brasil na temporada. Número que pode chegar até os 79 jogos com a sequência do Campeonato Brasileiro e as duas finais da Copa do Brasil.