Viúva de Kobe processa polícia de Los Angeles por divulgação de fotos do acidente

Vanessa Bryant, viúva do ex-jogador Kobe Bryant, entrou com uma ação contra o Departamento do Xerife do Condado de Los Angeles, alegando que cerca de oito policiais divulgaram fotos não autorizadas do acidente de helicóptero que causou a morte de Kobe e sua filha, Gianna, além de outras sete pessoas.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Segundo a acusação "ao menos oito policiais estavam no local tirando fotos de Kobe, Gianna e dos outros sete mortos" e "não havia propósito investigativo para tirarem fotos no local do acidente". Vanessa também cita que "o próprio departamento reconheceu" a falta de propósito das fotos.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

A viúva de Kobe Bryant busca indenização por danos emocionais, psicológicos e invasão de privacidade. Em fevereiro, Vanessa já havia denunciado a empresa Island Express, dona do helicóptero. O ex-jogador, que se aposentou do basquete em 2016, morreu em acidente no dia 26 de janeiro deste ano, na altura de Calabasas, na Califórnia. Além dele, a filha Gianna Bryant e outras sete vítimas estavam a bordo.

ídolo do Los Angeles Lakers, Kobe Bryant foi cinco vezes campeão da NBA, duas vezes eleito o melhor jogador das finais e uma vez da temporada. O ex-jogador aposentou em 2016 e terminou a carreira como o terceiro maior pontuador da história da liga - fui superado por LeBron James no dia 25. Kobe ainda foi duas vezes campeão olímpico (2008 e 2012) e ganhou um Oscar de melhor curta de animação, com uma história que narrava seu texto de despedida das quadras.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também