Vexame da Argentina motiva jogador da Sérvia para encarar o Brasil

Filip Djuricic joga na Sampdoria, da Itália, e tem 30 anos (Andrej ISakovic / AFP)


A vitória da Arábia Saudita sobre a Argentina animou o meia-atacante Filip Djuricic, da Sérvia, para o jogo de estreia na Copa do Mundo, contra o Brasil, quinta-feira, às 16h (horário de Brasília), no Estádio Lusail. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, o jogador afirmou que a zebra encheu o time sérvio de confiança.

- Aquele jogo mostrou porque o futebol é bonito e que surpreender é possível. Isso nos dá uma certa confiança, mas sabemos que o nosso jogo será duro e muito diícil. Estamos esperançoso.

+ Confira a tabela da Copa do Mundo Qatar 2022

Atleta da Sampdoria, da Itália, Djuricic minimizou que as fraquezas do Brasil estão nas laterais. O jogador destacou que os titulares, Danilo e Alex Sandro, jogam na Juventus, um dos maiores clubes do mundo.

- Bem, eles jogam na Juventus, então eu não diria que são os mais fracos do time. Certamente o Brasil possui fraquezas e vamos tentar atacá-los onde são mais vulneráveis.

+ Ex-jogador, ídolo do Estrela Vermelha e campeão da Champions: conheça Stojkovic, técnico da Sérvia

Questionado sobre o Brasil já estar pensando nas oitavas de final, Djuricic afirmou que a Sérvia vai jogar a Copa do Mundo jogo a jogo, tratando a estreia como uma decisão.

- Vamos jogo a jogo e pensamos apenas em nós. É importante passarmos pelo grupo e se eles começarem a Copa do Mundo na quinta-feira ou não, isso é com eles. O Brasil certamente é uma das seleções mais fortes do mundo. Eu sonho em jogar uma final com o Brasil, mas como ainda não é possível, quinta-feira será a "final".

Sérvia e Brasil estão no Grupo G da Copa do Mundo Qatar 2022 com Suíça e Camarões, que também jogam na quinta-feira, só que às 7h (de Brasília).