Verstappen supera Hamilton nos minutos finais e lidera TL3 em Abu Dhabi

FERNANDO SILVA

Até os cinco minutos finais do terceiro treino livre do GP de Abu Dhabi, neste sábado (30), a Mercedes liderava com 1-2, com Lewis Hamilton à frente de Valtteri Bottas. Mas Max Verstappen encaixou grande volta e mostrou que a Red Bull entra com força na luta pela pole em Yas Marina logo mais. O holandês marcou 1min36s566 e anotou o melhor tempo da sessão, deixando os carros prateados para trás.

Hamilton ficou 0s074 atrás de Verstappen e foi o segundo, seguido por Bottas, 0s089 mais lento que o holandês. Alexander Albon, companheiro de Max na Red Bull, foi o quarto. Sebastian Vettel e Charles Leclerc, da Ferrari, completaram a relação dos seis primeiros, mas os dois fizeram seus melhores tempos com pneus médios, contra os macios dos quatro primeiros colocados. A Ferrari mostrou ótima performance nos dois primeiros setores, mas perdeu bom tempo no último trecho da pista. 

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Sergio Pérez, da Racing Point, desta vez foi o 'melhor do resto', com Daniel Ricciardo, da Renault, Carlos Sainz, da McLaren, e Pierre Gasly completando o top-10 deste fim de tarde.

O treino classificatório do GP de Abu Dhabi acontece logo mais, às 10h (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Saiba como foi o terceiro treino livre em Abu Dhabi 


Como o terceiro treino livre em Abu Dhabi aconteceu em um cenário climático bem diferente do que vai ser a classificação logo mais, os pilotos e equipes não se animaram muito em sair para a pista nos primeiros minutos. O primeiro piloto a marcar tempo foi Lando Norris, que o fez após 14 minutos de sessão. O britânico anotou 1min38s987 com pneus médios.

Aos poucos, os tempos começaram a melhorar. Com pneus macios, Valtteri Bottas — depois de a Mercedes trocar novamente o motor —, subiu para a ponta, sendo seguido por Sebastian Vettel. Mas foi Lewis Hamilton quem assumiu a liderança quando registrou 1min37s699, 0s212 mais rápido que seu companheiro de equipe.

Max Verstappen foi o mais rápido deste fim de tarde em Abu Dhabi (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Até que Max Verstappen fez grande volta e colocou a Red Bull na liderança com 1min37s202, também com macios. Só que a posição do holandês durou poiuco depois que a Mercedes, na sequência do seu stint, melhorou bastante. Hamilton voltou para a ponta com 1min36s640, enquanto Bottas subia novamente para segundo, mas 0s549 mais lento. A melhor Ferrari, de Vettel, estava 1s293 atrás de Lewis.

Daniel Ricciardo era o 'melhor do resto' e, com Alexander Albon em décimo e Charles Leclerc somente em 18º, o australiano figurava em uma bem positiva quinta colocação. Um dos poucos destaques em meio a um treino sonolento por conta das condições bem distintas em relação à classificação de logo mais.

Ainda restava tempo para uma grande melhora nos tempos. Com seus dois carros calçados com pneus médios, Leclerc saiu do fim do grid para a terceira posição. O monegasco fez a melhor parcial nos dois primeiros setores, mas perdeu no trecho final. Assim, o piloto ficou atrás de Hamilton e também de Vettel, que havia subido para segundo. Mas Seb perdeu uma posição depois que Bottas, com macios, fez uma boa volta para ficar somente 0s015 atrás de Hamilton, avançando novamente para P2. Verstappen caiu para quinto.

Lewis Hamilton liderou o TL3 até os minutos finais em Abu Dhabi (Foto: Mercedes)

Enquanto a dupla da Ferrari oscilava muito entre os setores 1, 2 e 3, Verstappen conseguiu encaixar uma volta bem mais equilibrada em todo o percurso. Mesmo perdendo no trecho final, o holandês deixou novamente Leclerc e Vettel para trás e ficou 0s089 atrás de Hamilton ao subir para terceiro.

Só que Verstappen conseguiu encaixar outro grande tempo e, com 1min36s566, superou Hamilton nos minutos finais e fechou o treino na frente, mostrando que a Red Bull tem chances reais de lutar com a Mercedes e a Ferrari pela pole logo mais.

F1 2019, GP de Abu Dhabi, Yas Marina, treino livre 3:

1

M VERSTAPPEN

Red Bull Honda

1:36.566

 

15


2

L HAMILTON

Mercedes

1:36.640

+0.074

18


3

V BOTTAS

Mercedes

1:36.655

+0.089

17


4

A ALBON

Red Bull Honda

1:36.927

+0.361

18


5

S VETTEL

Ferrari

1:36.975

+0.409

15


6

C LECLERC

Ferrari

1:37.010

+0.444

16


7

S PÉREZ

Racing Point Mercedes

1:37.516

+0.950

16


8

D RICCIARDO

Renault

1:37.615

+1.049

14


9

C SAINZ JR

McLaren Renault

1:37.691

+1.125

22


10

P GASLY

Toro Rosso Honda

1:37.736

+1.170

17


11

R GROSJEAN

Haas Ferrari

1:37.768

+1.202

12


12

D KVYAT

Toro Rosso Honda

1:37.963

+1.397

18


13

L NORRIS

McLaren Renault

1:38.100

+1.534

18


14

K MAGNUSSEN

Haas Ferrari

1:38.198

+1.632

12


15

L STROLL

Racing Point Mercedes

1:38.462

+1.896

16


16

K RÄIKKÖNEN

Alfa Romeo Ferrari

1:38.514

+1.948

21


17

N HÜLKENBERG

Renault

1:38.580

+2.014

14


18

A GIOVINAZZI

Alfa Romeo Ferrari

1:38.782

+2.216

18


19

G RUSSELL

Williams Mercedes

1:39.206

+2.640

16


20

R KUBICA

Williams Mercedes

1:39.859

+3.293

17


 

 

Tempo 107%

1:43.326

+6.760

 


 

 

 

 

 

 


REC

L HAMILTON

Mercedes

1:34.794

24/11/2018

 


MV

S VETTEL

Red Bull Renault

1:40.279

01/11/2009

 






Paddockast # 44

RETROSPECTIVA 2019: MUITO QUE BEM, MUITO QUE MAL


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM




Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.








Leia também