Verdão repete série invicta de março e ganha casca copeira antes de 'final'

Thiago Ferri
LANCE!
Gustavo Gómez teve boa atuação na vitória do Palmeiras sobre o Vasco, no domingo (Foto: Cesar Greco)

Verdão repete série invicta de março e ganha casca copeira antes de 'final'

Gustavo Gómez teve boa atuação na vitória do Palmeiras sobre o Vasco, no domingo (Foto: Cesar Greco)


O Palmeiras chegou contra o Vasco ao quinto jogo seguido sem sofrer gols, um feito raro em 2018. A última vez que havia conseguido a mesma sequência foi em março, no Paulista. Fortalecido, o time prepara-se para testar o novo estilo copeiro na quinta-feira, quando decide uma vaga na Copa do Brasil.

A atual sequência com a meta sem ser vazada é: Paraná (3 a 0, sob o comando do interino Wesley Carvalho, Bahia (0 a 0, com Paulo Turra), América-MG (0 a 0, na estreia de Felipão), Cerro Porteño (2 a 0) e Vasco (1 a 0). Ou seja, coincide com a troca no comando técnico.

Como comparação, no fim da passagem de Roger Machado, o Palmeiras sofreu sete gols nas últimas cinco rodadas do Brasileiro sob seu comando. Com o ex-técnico, o time chegou às cinco partidas sem levar gols entre os dias 8 e 24 de março: São Paulo (2 a 0), Ituano (3 a 0), Novorizontino (3 a 0), Novorizontino (5 a 0) e Santos (1 a 0).

Desde a chegada de Felipão, há a preocupação em tornar a equipe mais forte defensivamente e mentalmente. Exemplo disso foi o rápido papo entre o auxiliar Paulo Turra e Jean, depois da vitória sobre o Vasco, ainda no vestiário do Allianz Parque:

- Este é o espírito, Jean! Copeiro! Copeiro! - disse o membro da comissão técnica, como mostra o vídeo da TV Palmeiras.

A nova casca da equipe será importante daqui para frente, já que o Verdão parece dar preferência à Copa do Brasil e à Libertadores. No torneio internacional, o time tem boa vantagem, já que venceu o Cerro no Paraguai e pode até perder na volta, dia 30, no Allianz Parque.

Quinta, há a definição da Copa do Brasil. Com o 0 a 0 na Fonte Nova, se conseguir a inédita sexta partida sem vazado, o time precisará de apenas um gol para chegar à semifinal do torneio que venceu três vezes, duas delas com Felipão, em 1998 e 2012.

A primeira decisão desta passagem de Scolari está marcada para as 19h15, no Pacaembu, pois o Allianz Parque receberá nesta semana o show dos Tribalistas. Até agora, 15 mil ingressos foram vendidos de forma antecipada.














Leia também