Venezuelano que custa quase R$ 5 milhões cobra permanência no Atlético-MG ao fim de empréstimo

Rómulo Otero goza de muito prestígio com Roger Machado. Titular absoluto da equipe, o venezuelano ainda não tem os direitos presos ao Atlético-MG. Os mineiros precisam desembolsar US$ 1,5 milhão (R$ 4,67 milhões na cotação atual) para adquiri-lo em definitivo junto ao Huachipato, do Chile.

E o dono da camisa 11 não esconde que o seu desejo é permanecer na Cidade do Galo ao término do empréstimo, em julho de 2017. "Gostei muito, muito, muito, desde o primeiro dia que cheguei, gostei muito de tudo. Gostaria de ficar, gosto muito do Atlético. Estou muito feliz neste grande clube", afirmou.

Otero Atlético-MG


Rómulo Otero já está ambientado à Cidade do Galo (Foto: Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG)

As negociações para a manutenção do jogador na capital mineira ainda não se iniciaram, mas ele também evita falar sobre o assunto.

"Não estou pensando que falta pouco tempo para ir embora. O Galo pode me comprar. Mas estou pensando na Libertadores, no jogo de sábado. Depois veremos com meu empresário o que vai acontecer comigo no Atlético".