Vendas do Outback no Brasil caem 64% na pandemia

Yahoo Finanças
Outback: vendas no Brasil caíram 64% durante a pandemia. (Fotos: Getty Images)
Outback: vendas no Brasil caíram 64% durante a pandemia. (Fotos: Getty Images)

As vendas nos restaurantes da rede Outback no Brasil caíram 64% no segundo trimestre de 2020, segundo número divulgados pela Bloomin’ Brands, empresa que controla a marca. As informações são da Exame. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Ao todo, a empresa viu seu negócio dar prejuízo de US$ 92,3 milhões no mundo todo, uma queda de 43% na receita total em relação ao mesmo período do ano passado. 

Leia também

“Apesar do ambiente desafiador, estamos ansiosos para emergir como uma empresa melhor, mais forte e focada em operações”, disse o presidente da Bloomin’ Brands, David Deno, durante a divulgação dos resultados. “Estou convencido do importante papel que os restaurantes com serviço completo continuarão a desempenhar na vida de nossos clientes e comunidades.”

O Outback, assim como outros restaurantes, foram afetados duramente nos últimos meses por conta das medidas de restrição sanitárias contra o espalhamento do novo coronavírus. Com o fechamento das unidades, o negócio como um todo foi impactado.

No Brasil, onde o Outback possui 103 unidades em operação, a Bloomin’ Brands já havia anunciado a procura por um comprador da marca. Mas a venda foi suspensa, ao menos temporariamente, em maio, por conta da pandemia. 

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no InstagramFacebookTwitter e YouTube

Leia também