Velório de Pelé na Vila Belmiro termina e caixão é levado para cemitério em Santos

Velório de Pelé durou 24 horas (Fernando Roberto/LANCE!)


Após cerca de 24h, o velório de Pelé se encerrou na Vila Belmiro, estádio do Santos, às 10h desta terça-feira. Durante a cerimônia, mais de 200 mil torcedores, ao lado de grandes personalidades, como o atual presidente Lula e o presidente da Fifa Gianni Infantino, foram ao local para se despedir do Rei do Futebol, que morreu na última quinta-feira, aos 82 anos.

O caixão com o corpo do Rei será levado para o Memorial Necrópole Ecumênico, cemitério onde será enterrado com vista para o estádio do seu time de coração. Até a chegada ao local, Pelé será cortejado pelos torcedores nas ruas da cidade de Santos.

+ Veja curiosidades da trajetória de Pelé, o maior jogador da história

As possibilidades de entrar na fila para ver o corpo do Rei no estádio se encerraram por volta das 8h30. A partir deste momento, apenas quem estava nas filas pôde acompanhar o velório próximo a Pelé.

Às 9h10, ocorreu uma missa em celebração ao Rei do Futebol. Em seguida, o presidente Lula chegou e participou da cerimônia. Ele já havia enviado uma coroa de flores para o velório nesta segunda-feira.

Cerca de 9h55, a última pessoa da fila viu o corpo de Edson Arantes do Nascimento. Ele agradeceu pela humildade e pelo futebol de Pelé e se despediu.

Pelé morreu aos 82 anos, no Hospital Albert Einstein, vítima de complicações causadas por um câncer no cólon. Ele deixa seis filhos, sua esposa Márcia Aoki e sua mãe Celeste, que completou 100 anos no dia 20 de novembro do ano passado.