Velázquez critica 'falhas infantis' do Santos contra o Juventude

·1 minuto de leitura


O uruguaio Emiliano Velázquez não poupou críticas ao Santos após a derrota por 3 a 0 diante do Juventude neste domingo, em Caxias do Sul, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Peixe sofreu os dois primeiros gols em jogadas de bola parada.

- Nosso time estava bem no jogo, mas sofremos dois gols de criança, infantis, que não podemos tomar. Estamos jogando no Santos e temos de respeitar essa camisa - afirmou o zagueiro à TV Globo.

Nos dois lances, o zagueiro envolvido por Wagner Leonardo. Mesmo assim, Velázquez chamou a responsabilidade também pelas falhas e destacou a necessidade de corrigir os problemas para os próximos jogos.

- Tenho culpa no gol, como toda a equipe. Se a gente quiser olhar para a frente, temos que arrumar as coisas atrás - disparou o defensor.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos