Veiga diz que Palmeiras precisava apagar má atuação na Liberta e cobra reação

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·1 minuto de leitura


Autor do gol no empate do Palmeiras com o Grêmio por 1 a 1, disputado no Allianz Parque na noite desta sexta-feira (15), pela 30ª rodada do Brasileirão, Raphael Veiga disse que o Palmeiras queria apagar a má impressão da derrota para o River Plate por 2 a 0, na última terça-feira (12).

>> Confira a classificação atualizada do Brasileirão e faça sua simulação
>> Quem são os fregueses na era dos pontos corridos do Brasileirão? Confira!

​Para ele, o revés para os argentinos é assunto do passado. O jogador admitiu que faltou ao time ter mostrado uma outra característica de jogo e reiterou que o técnico Abel Ferreira pediu para os seus jogadores entrassem ligado no confronto diante da equipe gaúcha e cobrou reação dos companheiros:

- Professor sempre fala na questão das 24 horas. A gente ficou com gostinho de que poderia melhorar pelo jogo que foi. Entramos ligados, quisemos dar um ritmo de intensidade para competir. A gente sabe que só assim vai alcançar nossos objetivos - explicou.

Na próxima segunda-feira, o Palmeiras recebe o Corinthians em jogo atrasado, pela 28ª rodada da competição nacional. O Derby vai acontecer na arena palmeirense, às 19h. O Alviverde terá a volta do volante Gabriel Menino, que cumpriu suspensão automática. Por sua vez, a baixa para o clássico é o lateral-direito Marcos Rocha, que foi suspenso pelo terceiro cartão amarelo.