Vasco perde a oportunidade de colar no G4 e diminui chance de acesso; confira as probabilidades

·3 minuto de leitura


Desde a chegada de Fernando Diniz, o Vasco enfileirou uma sequência de cinco jogos invictos na Série B. No entanto, neste sábado, o Cruz-Maltino perdeu a primeira sob o comando do treinador, diante do Sampaio Corrêa. Com isso, a equipe desperdiçou a oportunidade de encostar no G4 e diminuiu a chance de acesso de 15% para 9%, segundo números do portal "Infobola", do matemático Tristão Garcia.


Faltam nove rodadas para o fim da competição e o Gigante da Colina tem em mente alcançar a marca de 64 pontos para subir. Com 43 pontos, sete vitórias seriam essenciais para confirmar o acesso, porém a nota de corte varia a cada ano e na temporada passada o Cuiabá foi para a elite com 61.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

A rodada foi favorável com Avaí, CRB e Goiás tropeçando no pelotão de frente, mas a equipe não trouxe os três pontos do Maranhão, mesmo com um a mais durante todo segundo tempo. Caso vencesse, a diferença, que atualmente é de de cinco pontos, cairia para apenas dois.

+ Vasco pode ter reforço para o duelo contra o líder Coritiba, em São Januário, pela 30ª rodada da Série B

Na próxima rodada, os comandados de Fernando Diniz encaram o líder Coritiba, às 16h30, no sábado, em São Januário. Um triunfo é importante para tentar colar nos quatro primeiros. A rodada marcará alguns confrontos diretos como Goiás (4ª) x CSA (6º) e CRB (5º) x Guarani (7º). O Botafogo visita o Cruzeiro, enquanto o Avaí enfrenta o Confiança, em Sergipe.

Confira as probabilidades de acesso na Série B do Brasileirão

1º - Coritiba - 94%
2º - Botafogo - 82%
3º - Avaí - 74%
4º - Goiás - 50%
5º - CRB: - 46%
6º - CSA - 25%
7º - Guarani - 16%
8º - Vasco - 9%
9º - Náutico - 2%
10º - Sampaio Corrêa - 2%
11º - Remo - 0%
​12º - Cruzeiro - 0%
13º - Vila Nova - 0%
14º - Operário-PR - 0%
15º - Ponte Preta - 0%
16º - Brusque - 0%
17º - Londrina - 0%
18º - Vitória - 0%
19º - Confiança - 0%
20º - Brasil de Pelotas - 0%

* Números do portal "Infobola", do matemático Tristão Garcia.

Relembre a nota de corte das últimas edições da Série B

G4 final da Série B de 2020: Chapecoense, América-MG, Juventude, Cuiabá - Pontuação do quarto colocado: 61.

G4 final da Série B de 2019: RB Bragantino, Sport, Coritiba e Atlético-GO - Pontuação do quarto colocado: 62.

G4 final da Série B de 2018: Fortaleza, CSA, Avaí e Goiás - Pontuação do quarto colocado: 60.

G4 final da Série B de 2017: América-MG, Internacional, Ceará e Paraná - Pontuação do quarto colocado: 64.

G4 final da Série B de 2016: Atlético-GO, Avaí, Vasco e Bahia - Pontuação do quarto colocado: 63.

G4 final da Série B de 2015: Botafogo, Santa Cruz, Vitória e América-MG - Pontuação do quarto colocado: 65.

G4 final 2014 da Série B de 2014: Joinville, Ponte Preta, Vasco e Avaí - Pontuação do quarto colocado: 62.

G4 final da Série B de 2013: Palmeiras, Chapecoense, Sport e Figueirense - Pontuação do quarto colocado: 60.

G4 final da Série B de 2012: Goiás, Criciúma, Athletico-PR e Vitória - Pontuação do quarto colocado: 71.

G4 final da Série B de 2011: Portuguesa, Náutico, Ponte Preta e Sport - Pontuação do quarto colocado: 61.

G4 final da Série B de 2010: Coritiba, Figueirense, Bahia e América-MG - Pontuação do quarto colocado: 63.

G4 final da Série B de 2009: Vasco, Guarani, Ceará e Atlético-GO - Pontuação do quarto colocado: 65.

G4 final da Série B de 2008: Corinthians, Santo André, Avaí e Grêmio Barueri - Pontuação do quarto colocado: 63.

G4 final da Série B de 2007: Coritiba, Ipatinga, Portuguesa e Vitória - Pontuação do quarto colocado: 59.

G4 final da Série B de 2006: Atlético-MG, Sport, Náutico e América-RN - Pontuação do quarto colocado: 61.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos