Vasco negocia acordo com SINDECLUBES para pagar as rescisões dos profissionais demitidos

LANCE!
·2 minuto de leitura


O Vasco divulgou na manhã desta quinta que está negociando com o Sindicato dos Empregados em Clubes, Federações, Confederações Esportivas e Atletas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro (“SINDECLUBES”), os termos Acordo Coletivo de Trabalho (“ACT”). Esta negociação é referente ao pagamento das rescisões dos profissionais que deixaram o clube no dia 12 de março.

> Confira a classificação do Campeonato Carioca


Dessa forma, o Acordo Coletivo de Trabalho será analisado pela assembleia do SINDECLUBES, porém a reunião foi adiada em virtude das medidas emergenciais anunciadas pela prefeitura do Rio de Janeiro para enfrentar o avanço do novo Coronavírus na cidade. Na nota, o Vasco reafirmou que espeitará todos os protocolos de saúde e aguardará.

Confira na íntegra a nota do Vasco da Gama

O Club de Regatas Vasco da Gama (“CRVG”) e o Sindicato dos Empregados em Clubes, Federações, Confederações Esportivas e Atletas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro (“SINDECLUBES”) informam que estão negociando os termos do Acordo Coletivo de Trabalho (“ACT”) para pagamento das rescisões dos profissionais desligados do Clube em 12/03/2021, como parte da reforma administrativa anunciada na ocasião. O ACT será submetido à apreciação de assembleia do SINDECLUBES a ser convocada para este fim.

Por conta da publicação do Decreto Rio no 48.644, de 22 de março de 2021, que institui medidas emergenciais, de caráter excepcional e temporário, destinadas ao enfrentamento da pandemia de COVID-19, e que impôs restrições à circulação de pessoas e ao funcionamento de estabelecimentos comerciais até o próximo dia 4 de abril, a convocação da assembleia do SINDECLUBES para apreciação do ACT teve que ser postergada, mas será realizada no momento oportuno para que a assembleia ocorra após o fim das medidas restritivas.

O CRVG seguirá todos os protocolos sanitários instituídos pelo poder público e, tão logo a Assembleia seja convocada, a proposta de ACT será levada ao conhecimento dos credores.