Vasco empata com o Goiás e deixa a zona de rebaixamento do Brasileirão

Felippe Rocha
·2 minuto de leitura


Goiás e Vasco empataram no Estádio da Serrinha, na noite deste domingo, em 1 a 1. O resultado aumentou a sequência negativa das duas equipes no Campeonato Brasileiro, mas o Cruz-Maltino chegou a 19 pontos e, pelo menos até esta segunda-feira, está fora da zona de rebaixamento. O próximo compromisso é contra o Caracas (VEN), no meio de semana. O Esmeraldino segue afundado na lanterna da competição.

De Léo para Léo
Aos 12 minutos, Shaylon recebeu de Fernandão, chutou de primeira, mas fraco e Fernando Miguel defendeu em dois tempos. Aos 16, na primeira grande chance do Vasco no jogo, Léo Gil colocou a cobrança de escanteio na primeira trave e o estreante Léo Matos

Drama goiano
Quando o relógio cronômetro marcava 25 minutos, Shaylon chutou forte, de fora da área, Fernando Miguel deu rebote e Fernandão, a um metro e meio da baliza, isolou a finalização. Dez minutos depois, o mesmo Fernandão fez o pivô para Keko que chutou com toda a delicadeza possível para fazê-la entrar no cantinho, fugindo da marcação. A bola, com doses elevadas de dramaticidade, saiu raspando na trave direita de Fernando Miguel. Deve haver tinta no esférico até agora.

Blitz e gol mandante
O time da casa voltou para o segundo tempo mais incisivo e a blitz imposta teve sucesso. Aos 11 minutos, um bate rebate terminou com a bola no pé de Fernandão. O centroavante chutou, Fernando Miguel defendeu e, no rebote, Shaylon empatou a partida.

No lucro para o Vasco
A partida seguia em ritmo torturantemente lento até que, aos 44 minutos, Douglas Baggio recebeu cruzamento da esquerda e mandou no pé da trave esquerda do goleiro vascaíno. Por pouco. Três minutos depois, em escanteio pela direita, Rafael Moura obrigou Fernando Miguel a fazer uma defesa salvadora.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 X 1 VASCO

Estádio: Serrinha, em Goiânia (GO)
Data: 1 de novembro de 2020, às 20h30
Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG-Fifa)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Árbitro de vídeo: José Cláudio Rocha Filho (SP)
Renda/Público: Portões fechados

Gols: Léo Matos (16'/1ºT 0-1), Shaylon (11/'2ºT 1-1)

Cartões amarelos: Edilson, Heron, Ariel Cabral, Keko, Vinícius Lopes (GOI); Léo Matos, Yago Pikachu, Ricardo Graça, Henrique, Neto Borges e Léo Gil (VAS)
Cartão vermelho: Não houve.

GOIÁS
Tadeu, Edilson, David Duarte, Heron e Cajú; Ariel Cabral, Breno e Shaylon (Gilberto, 35'/2ºT); Keko, Fernandão (Rafael Moura, 20'/2ºT) e Vinícius Lopes (Douglas Baggio, 35'/2ºT) - Técnico: Enderson Moreira.

VASCO
Fernando Miguel, Léo Matos, Miranda, Ricardo Graça e Henrique (Neto Borges, 16'/2ºT); Andrey, Gil (Fellipe Bastos, 15'/2ºT) e Carlinhos (Benítez, 15'/2ºT); Vinícius (Tiago Reis, 31'/2ºT), Lucas Ribamar e Talles Magno (Guilherme Parede, 37'/1ºT) - Técnico: Ricardo Sá Pinto.