Vasco, Botafogo ou Cruzeiro: qual dos três gigantes está mais preocupado, hoje, para a disputa da Série B?

·1 minuto de leitura

Sinal de alerta ligado. Com o objetivo de retornar à Série A em 2022, Vasco, Botafogo e Cruzeiro se preparam para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro de 2021. Sem outros torneios antes da largada da liga – todos os três já encerraram suas participações nos estaduais e a Copa do Brasil retorna apenas no mês que vem –, o trio de gigantes do futebol nacional corre contra o tempo para ajustar o que for possível antes do começo da Segundona.

E a projeção não é das melhores para nenhum dos três. Com muitas limitações dentro e fora dos gramados, o Gigante da Colina, o Glorioso e a Celeste tendem a ter um ano de muitas angústias, sofrimentos e lutas. Mas, dos três, o Botafogo é o que larga pior.

O Botafogo não chega nada bem à Série B. | Bruna Prado/Getty Images
O Botafogo não chega nada bem à Série B. | Bruna Prado/Getty Images

O Alvinegro de General Severiano tem praticamente os mesmos problemas que Vasco e Cruzeiro, mas tudo em uma dose mais forte. O Botafogo hoje tem um esboço de time, com um futebol de testes, poucos padrões (positivos, pelo menos), muitas deficiências e uma reformulação que caminha a passos lentos. O Glorioso precisa de reforços, e para ontem.

Em estágios mais avançados de reconstrução, Vasco e Cruzeiro têm poucos motivos para comemorar. A Raposa, porém, mostrou avanços no Campeonato Mineiro e isso gera esperanças na Toca da Raposa. Seja como for, a tendência é de um ano difícil e de muitas preocupações para três dos mais tradicionais clubes do Brasil.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.