Vantagem nas semis, hegemonia histórica e mais: o que vale a Taça Guanabara para o Flamengo

LANCE!
·3 minuto de leitura


O Flamengo entra em campo neste sábado, às 19h (de Brasília), no Maracanã, precisando apenas de uma vitória simples para conquistar a 23ª Taça Guanabara de sua história. O adversário será o Volta Redonda, atual líder do torneio e que também joga por um triunfo para se sagrar campeão.

Além de mais um troféu para a coleção na Gávea, a partida vale a manutenção da "era de títulos" recente e ainda pode beneficiar o Rubro-Negro em outros fatores, entre eles a ampliação da hegemonia histórica.

+ Flamengo x Volta Redonda: prováveis times, desfalques, onde ver e palpites

Para a 'decisão', Rogério Ceni relacionou todos os principais atletas do elenco rubro-negro à disposição. No entanto, a ideia é poupar alguns titulares de olho na partida contra o Unión La Calera, na terça-feira, pela segunda rodada da Libertadores. A escalação final do treinador será baseada nas avaliações físicas dos jogadores neste sábado.

O desfalque será Rodrigo Caio, que voltou a sentir um desconforto no adutor da coxa direita. Um exame realizado nesta sexta-feira não apontou lesão, mas detectou uma fibrose no local. O zagueiro segue em tratamento e corre o risco de também perder o confronto pela Libertadores.

+ Com Pepê de saída, Flamengo tem oito jogadores com vínculo perto do fim; confira a duração dos contratos do elenco

Abaixo, o LANCE! lista os principais pontos em jogo para o Flamengo:

AMPLIAR HEGEMONIA HISTÓRICA

Com 22 títulos em 56 edições, o Flamengo é o maior vencedor da Taça Guanabara e pode aumentar a vantagem para os rivais cariocas. O segundo nessa lista é o Vasco (13), seguido por Fluminense (10) e Botafogo (8). O Volta Redonda busca seu segundo título do torneio. América e Americano também têm uma conquista cada.

Campeão do torneio em 2020, o Flamengo pode, inclusive, repetir um feito que não consegue há 13 anos: conquistar a Taça Guanabara em dois anos consecutivos. A última dobradinha foi em 2007 e 2008, contra Madureira e Botafogo, respectivamente.

Títulos do Flamengo na Taça Guanabara- 1970, 1972 (invicto), 1973 (invicto), 1978, 1979, 1980 (invicto), 1981, 1982, 1984, 1988, 1989 (invicto), 1995, 1996 (invicto), 1999 (invicto), 2001, 2004, 2007, 2008, 2011 (invicto), 2014, 2018 e 2020.

Flamengo x Boavista 2011 (Final Taça Guanabara)
Flamengo x Boavista 2011 (Final Taça Guanabara)

Fla comemora título da TG em 2011 (Gilvan de Souza/Lancepress!)

VANTAGEM NAS SEMIFINAIS

O regulamento do Campeonato Carioca diz no Artigo 9º: "As associações classificadas, respectivamente em 1º e 2º lugar ao final das 11 rodadas da Taça Guanabara, jogarão as suas partidas das Semifinais do campeonato com a vantagem do empate em pontos ganhos e saldo de gols, além do direito de exercer o mando de campo na primeira ou segunda partida."

Dessa forma, vencer o Volta Redonda neste sábado significa que o Flamengo não poderá ser ultrapassado pelo Fluminense no domingo e, assim, terá vantagem nas semifinais do Estadual. Em caso de dois empates ou vitória e derrota pelo mesmo placar, o Rubro-Negro garantiria vaga na decisão sem precisar da disputa de pênaltis.

+ Confira a tabela completa do Campeonato Carioca

CHANCE DE 12ª TAÇA DESDE 2019

Apesar de ser um título simbólico, a Taça Guanabara pode ser mais uma conquista para um elenco que se acostumou em empilhar troféus nos últimos anos. Desde 2019, já foram 11 títulos conquistados, incluindo os turnos do Estadual e a Florida Cup. Na temporada atual, o time de Rogério Ceni já conquistou a Supercopa do Brasil.

- 2019: Florida Cup, Taça Rio, Carioca, Brasileiro e Libertadores;
- 2020: Taça Guanabara, Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana, Carioca e Brasileiro;
- 2021: Supercopa do Brasil.