Com vantagem construída, Cruzeiro vai poupar atletas contra Murici

O Cruzeiro terá mais uma decisão, na noite desta quarta-feira, no Mineirão, contra o Murici, pela Copa do Brasil. Para o jogo, por já ter construído uma importante vantagem, o técnico celeste, Mano Menezes, vai utilizar seus dois gols de frente para dar folga a alguns atletas.

O Cruzeiro vem de grande desgaste físico. O time azul vem de sequência de jogos e teve uma viagem cansativa para Alagoas, na última semana, para jogar justamente contra o Murici.

Diante disso, o treinador cruzeirense já deixou claro o desejo de poupar alguns jogadores. Até o momento desta publicação, nada foi confirmado, mas é provável que o técnico dê descanso para jogadores que tenham sequência de jogos, como Ariel Cabral, Robinho, Thiago Neves e Rafael Sóbis, sobretudo, por causa de ser atletas que tem substitutos imediatos que buscam sequência de jogo.

Murici ainda sonha

Pelo lado do Murici, ainda existe a confiança de reverter a vantagem celeste. No jogo de ida, o time azul bateu a equipe por 2 a 0, mas o clube de Alagoas não facilitou a vida do Cruzeiro.

Por ter um histórico favorável nessa Copa do Brasil, o técnico Roberto Davino chega a Belo Horizonte em busca de uma partida melhor e com o foco em conseguir a classificação.

Para o jogo desta quarta, o treinador terá o retorno do zagueiro Sinval, que cumpriu suspensão automática na primeira partida. De resto, o Murici deve ter a mesma base do jogo inicial.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO X MURICI

Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Data: 15 de março de 2017, segunda

Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Daniel Henrique Andrade (DF) e Lucas Modesto (DF)

Cruzeiro: Rafael, Mayke, Caicedo, Léo, Diogo Barbosa, Henrique, Lucas Silva, Arrascaeta, Alisson, Elber e Ramon Ábila.

Técnico: Mano Menezes

Murici: Dias; Paulo Sérgio, Cláudio (Sinval), Edson Veneno e Patrick; Rambo, Guêba, Júnior Murici e Deizinho; Alexandre e Katê.

Técnico: Roberval Davino