Van Gaal revela tensão nos jogadores da Holanda em estreia na Copa e admite: 'Não jogamos bem'

Treinador holandês não consegue encontrar soluções para a zaga (Alberto Pizzoli/ AFP)


A Holanda venceu Senegal por 2 a 0, nesta sexta-feira, e estreou com o pé direito na Copa do Mundo. Apesar da vitória, no entanto, a Laranja Mecânica não convenceu torcedores e, também, o técnico Louis Van Gaal. O treinador criticou a atuação holandesa após a partida, em coletiva.

Primeiro, o comandante holandês confirmou que a tensão tomou conta dos atletas na partida. Por se tratar de uma nova geração do futebol da Holanda, a maioria dos jogadores estreava em Copas do Mundo nesta segunda-feira.

- Não tive a impressão de que iríamos perder. Acho que só pode melhorar, também acho que houve tensão no grupo de jogadores. Nós fomos para o estande antes, tomando café. Mas isso aparentemente não ajudou. Acho que não jogamos bem - disse o treinador.

+ Van Dijk analisa estreia e critica sanções por faixa de capitão com mensagens de inclusão

Van Gaal também analisou a falta de pontaria e precisão da Holanda no ataque. Para o técnico, a entrada de Memphis Depay melhorou o desempenho ofensivo da Laranja, que conseguiu a vitória no fim com gols de Gakpo e Klaasen.

- Com a chegada do Memphis (Depay), eu esperava que um gol fosse marcado. Isso também aconteceu. Ele é um jogador que pode quebrar alguma coisa. Cody Gakpo também desempenhou um papel importante, até por causa do seu golo inaugural. Mas não jogamos bem, desde o último treino eu vi isso acontecer um pouco - finalizou.

+ Decisivo e elogiado pelo ídolo: conheça Cody Gakpo, autor do primeiro gol da Holanda na Copa

Depois da vitória sobre Senegal, a Holanda inicia, nesta terça-feira, o plano de preparação visando o próximo compromisso pelo Grupo A. O duelo em questão é diante do Equador, nesta sexta-feira, às 13h (de Brasília).