Vale a pena disputar os Campeonatos Estaduais? Para os 12 grandes, a TV garante

Palmeiras e Corinthians ganham muito dinheiro com o Estadual. Foto: Futura Press

No Campeonato Paranaense 2017, Atlético-PR e Coritiba resolveram recusar a proposta da TV Globo para transmissão do clássico e decidiram fazê-lo no Youtube e no Facebook. Depois de um imbroglio com a Federação Paranaense, que havia vendido a transmissão do campeonato para a Globo, o jogo foi cancelado e depois realizado em outro dia da forma como os clubes desejavam.

O grande problema apontado por Atlético-PR e Coritiba, times que passaram muito mais tempo na Série A do que na Série B neste século, era diferença de tratamento da Globo em relação aos Estaduais em que estão os 12 times mais tradicionais do Brasil em comparação ao Paranaense e a outros campeonatos que têm times na Série A do Brasileirão.

Para se ter uma ideia, segundo levantamento do portal UOL, cada time grande de São Paulo recebe R$ 18 milhões para disputar o Paulistão 2017. No Rio, são R$ 15 milhões para cada um dos quatro times mais tradicionais. Em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul, mais R$ 12 milhões para cada grande, dois de em cada estado.

Quando levamos em conta os números de cada campeonato no geral, a discrepância é ainda maior. A Globo paga R$ 160 milhões pelo Paulistão, R$ 120 milhões pelo Carioca, R$ 40 milhões pelo Mineiro e R$ 36 milhões pelo Gauchão. Em quinto, aparece o Paranaense com R$ 4 milhões (seriam R$ 6 milhões ao todo caso Coxa e Furacão aceitassem a proposta).

A Globo ainda tem os direitos de transmissão de mais cinco campeonatos: Catarinense, Pernambucano, Baiano, Cearense e Paraense, todos com valores abaixo dos Paranaense.

Leia também:
Conheça a dieta que ajuda Messi a se manter no topo do futebol mundial
Romário garante: “Neymar é o melhor do mundo na atualidade”
Abel lamenta cuspe de Richarlison e lembra caso parecido de ex-tricolor