'Vai influenciar 100%', diz Cuca sobre o psicológico na final da Libertadores

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·1 minuto de leitura


O técnico Cuca destacou a importância do psicológico do time na final da Copa Libertadores da América, neste sábado, às 17 horas, diante do Palmeiras, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

>> Confira a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro


- Vai influenciar 100%. Jogador pra desempenhar precisa estar psicologicamente bem, emocionalmente bem e nós estamos bem. Nós vamos fazer tudo e mais um pouco que a gente pode para tentar sair campeão. Só o tempo até sábado lá pelas 19h ou um pouco mais tarde vai dizer se tudo que a gente puder em prática vai ser suficiente para ser campeão. Vamos rezar e torcer que sim - explicou Cuca, após a derrota do Santos por 2 a 0 diante do Atlético-MG, terça-feira, no Mineirão.

O treinador soube usar os obstáculos do Peixe como combustível psicológico. Diante Grêmio e Boca Juniors, nas quartas e semis na competição Sul-Americana, o Santos levou Zé Roberto para fazer uma palestra aos jogadores. Pelé apareceu em vídeo na concentração, fotos com a família de cada atleta foram colocadas no vestiário, além de mensagens de comentaristas questionando o potencial da equipe.

Além disso, os discursos emocionantes revelados nos vídeos de bastidores de cada partida até a grande final foram importantes e motivacionais para a equipe. Cada jogador e a comissão técnica se refere ao elenco como uma família.