Vítor Pereira evita culpar Ivan por gol sofrido pelo Corinthians contra a Portuguesa-RJ

·2 min de leitura
Ivan fez seu primeiro jogo pelo Timão contra a Portuguesa-RJ (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)


Após quase dois meses e meio do anúncio da contratação, Ivan fez sua estreia pelo Corinthians no empate contra a Portuguesa-RJ, pelo duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil

> GALERIA - Xavier vacila no empate do Timão na Copa do Brasil; veja notas

Parte da torcida achou que o camisa 1 poderia estar melhor posicionado no chute de Cafu, que abriu o placar para a Lusa carioca. O técnico do Timão, Vítor Pereira, não quis apontar nenhuma falha do goleiro, e concluiu que o gol nasceu após sucessivos erros de posicionamento da defesa, que cedeu muito espaço para o chute.

- Em termos táticos, vou deixar com o Marcelo (Carpes, preparador), com o Ivan, em cima do gol que sofremos. Nós fazemos cortes desse jogo para percebermos o que fizemos bem e mal. Depois, individualmente e coletivamente, procuramos saber onde temos que melhorar. Foi uma sequência de falhas de posicionamentos que abriu o espaço para eles fazerem um gol simples. Permitimos que o adversário ficasse em vantagem - disse o treinador português sobre a partida de Ivan.

O arqueiro do alvinegro paulista praticamente não foi exigido durante os noventa minutos, tendo em vista que o gol aos dois minutos foi o único chute no alvo dos cariocas.

Segundo o Footstats, Ivan foi o quarto jogador do Timão com menos passes na partida (9), ficando atrás apenas de Du Queiroz (7), Giovane (7) e Wesley (3). Dos quatro lançamentos tentados pelo goleiro, apenas um foi completado com sucesso. Ele terminou a partida sem completar nenhuma defesa.

> TABELA - Confira e simule os jogos do Timão na Copa do Brasil

Ao lado de Matheus Donelli, ele vem brigando para ser o reserva imediato de Cássio. No meio de março, Ivan teve detectada uma lesão na coxa esquerda, que o afastou das duas partidas do time do Parque São Jorge no mata-mata do Paulistão, contra Guarani e São Paulo, respectivamente.

Quando se recuperou do desconforto muscular, ele só não foi relacionado para o duelo na Libertadores contra o Always Ready, por opção do próprio Vítor Pereira.

O Corinthians agora tem um difícil sequência nos próximos dias, quando enfrenta o Palmeiras pelo Brasileirão, no sábado (23), e o Boca Juniors na terça-feira (26), pela Libertadores. Dessa forma, Cássio deverá retomar a titularidade, e Ivan pode receber nova chance no duelo de volta contra a Lusa carioca, no dia 11 de maio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos