Vítor Pereira analisa partida de Xavier na estreia do Corinthians na Copa do Brasil: 'Não leu a pressão'

·2 min de leitura
Xavier falhou contra a Portuguesa-RJ pela Copa do Brasil (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)


Na entrevista coletiva após o empate por 1 a 1 contra a Portuguesa-RJ, pelo duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, o técnico do Corinthians, Vítor Pereira, comentou sobre o envolvimento de Xavier no gol da Lusa carioca, logo aos dois minutos da etapa inicial.

> GALERIA - Xavier vacila no empate do Timão na Copa do Brasil; veja notas

Na visão do treinador português, o volante demorou para ler os movimentos do adversário, mas evitou responsabilizar o atleta de 22 anos pelo gol. No lance em questão, Kayron aproveitou desatenção do camisa 39, roubou a bola do jogador corintiano e rolou para Cafu abrir o placar.

- Para jogar como primeiro volante, é preciso ter qualidades, é preciso ler a pressão antes de recebermos a bola, é preciso ler o lado contrário, circular a bola para buscar os corredores. Esses são todos aspectos que o Xavier tem qualidade, mas outros precisa melhorar para ter mais tempo de jogo. Hoje, no gol, provou exatamente isso. Não leu a pressão, achava que estava sozinho, não leu o que estava acontecendo antes de receber a bola e perdeu ao receber a pressão. Não estou responsabilizando, mas vamos crescer - disse VP na coletiva.

> TABELA - Confira e simule os jogos do Timão na Brasileirão

Esta foi a primeira vez que Xavier entrou em campo sob o comando do português. A última partida disputada pelo atleta havia sido no dia 19 de fevereiro, contra o Botafogo/SP, em Ribeirão Preto, pelo Paulistão, com o interino Fernando Lázaro.

Como titular, havia sido no dia 5 de dezembro do ano passado, contra o Grêmio, pelo Brasileirão. O treinador do Timão falou que mantem conversas com os jogadores para que eles saibam aonde evoluir e ganhar minutos, e destacou a presença física que Xavier traz ao meio-campo.

> GUIA DO BRASILEIRÃO - Veja análise do LANCE! sobre as chances do Timão

- Eu tenho de ter conversas individualizadas, no sentido de falar com os jogadores o que é preciso melhorar, o que é preciso para eles desenvolverem, terem mais minutos. O Xavier sabe perfeitamente, desde o primeiro treino que fez comigo, que ele tem uma força da natureza. Ele tem muita força, apesar de hoje a pilha ter acabado por não estar jogando - concluiu o técnico lusitano sobre o volante.

Após um treino no qual parte do elenco treino em Londrina, e os atletas preservados na Copa do Brasil foram ao CT Joaquim Grava, o Corinthians terá somente uma atividade com o elenco em conjunto antes do Dérbi deste sábado (23), às 19h, na Arena Barueri, contra o Palmeiras.

O trabalho de apronto acontecerá nesta sexta-feira (22), na parte da tarde, no Centro de Treinamento corintiano, em São Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos