URT prevê “pressão gigantesca” do Atlético-MG no segundo jogo da semi

O primeiro jogo da semifinal do Campeonato Mineiro foi realizado na manhã deste domingo. No Mineirão, a URT foi buscar o empate contra o Atlético-MG, e o placar terminou em 1 a 1. Para o técnico do time de Patos de Minas, Rodrigo Santana, o próximo jogo será ainda mais complicado, já que o Galo jogará no Independência, e não dará vida fácil ao Trovão Azul.

“O próximo jogo vai ser uma pressão gigantesca, o Atlético-MG sempre joga bem dentro do Horto. Os 90 minutos não serão fáceis. Precisamos da vitória e ter muita atenção. Vai ser difícil, mas vamos nos preparar bem”, disse o treinador em entrevista coletiva após a partida.

Rodrigo ainda chamou a atenção pelas falhas do seu time durante o primeiro tempo, uma delas que gerou o gol do Atlético-MG. Mesmo assim, a URT mudou de postura no segundo tempo, empatou o placar e anulou o Galo, o que foi exaltado pelo comandante.

“O primeiro tempo a gente estava errando muito, praticamente entregamos três gols para o Atlético-MG, e eles fizeram um. Sabíamos que eles queriam fechar o jogo no primeiro também. No intervalo, corrigimos, anulamos jogadas e a equipe teve um desempenho melhor. Paramos de sofrer a pressão”, finalizou o treinador.