Messi é suspenso pela Fifa por quatro partidas e desfalca Argentina

Craque argentino foi punido por ofensas a assistente brasileiro e só voltaria na última rodada das eliminatórias

Foto: Getty Images

A Fifa anunciou no final da manhã desta terça-feira, 28, que Lionel Messi está suspenso por quatro partidas das Eliminatórias para a Copa do Mundo 2018. A medida já vale para o jogo de hoje, contra a Bolívia, e foi motivada por ofensas do craque argentino ao assistente brasileiro Emerson Augusto de Carvalho no duelo contra o Chile, na semana passada.

"Lionel Messi foi considerado culpado de violar o art. 57 da FDC por ter dirigido palavras insultantes a um árbitro assistente. Como resultado, Messi será suspenso por quatro jogos oficiais e sancionado com uma multa de CHF 10.000 (R$ 32 mil). O primeiro jogo para o qual a sanção será aplicada é o próximo jogo na competição preliminar da Copa do Mundo da FIFA Rússia 2018 entre a Bolívia ea Argentina", disse a federação internacional de futebol em nota oficial.

O camisa 10 argentino ficou revoltado com o bandeirinha após considerar ter sofrido uma falta dura na lateral do campo, infração que não marcada pelo trio de arbitragem. Além de ofender o brasileiro, ele ignorou Emerson Augusto de Carvalho no cumprimento final após o jogo da quinta-feira passada, 23.

A ausência de Messi pode ser fatal para as pretensões da seleção argentina de chegar ao Mundial da Rússia. O time de Edgardo Bauza está na terceira colocação do qualificatório, a apenas dois pontos do sexto colocado Chile, que está fora da zona de classificação para o torneio. Nas sete partidas que os hermanos não tiveram o craque em campo nestas Eliminatórias, a Argentina venceu apenas um.