Universidade do Cartola: raio-x de erros e acertos da 34ª rodada

Yahoo Esportes
O Fortaleza goleou o CSA e Tinga fez uma exibição de dar gosto: saldo, três roubadas de bola e um gol marcado para o maior pontuador da rodada
O Fortaleza goleou o CSA e Tinga fez uma exibição de dar gosto: saldo, três roubadas de bola e um gol marcado para o maior pontuador da rodada


Por Caíque Toledo

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Salve cartoleiro! Chegamos ao fim de mais uma rodada do Cartola e, cada vez mais, nos aproximamos do fim da competição. Como você está se saindo nas suas ligas?

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Essa acabou sendo uma rodada estranha, mas, para a gente, deu bom: quem seguiu nossas dicas e escalou como nós passou dos 75pts, pontuação considerada boa para a rodada.

Neste texto, você verá o que acertamos e erramos nessa rodada. Confere essa análise:

Perto do rebaixamento, Chapecoense conseguiu importante vitória contra o Ceará neste fim de semana
Perto do rebaixamento, Chapecoense conseguiu importante vitória contra o Ceará neste fim de semana

Goleiros


Rodada difícil para goleiros, em gera. Por mais que muitos SGs tenham se mantido, nenhum deles fez pontuações exorbitantes. Tanto que o maior pontuador da rodada foi João Ricardo, da Chapeconse, que não fez nada de anormal: saldo de gol e duas defesas difíceis.

Nosso mito de sempre, Tadeu não estava, pela primeira vez em muito tempo, em uma noite muito inspirada. Fez apenas uma DD e, com o gol sofrido no empate contra o Vasco, ficou em apenas 1pt. Curioso é que, na reta final, o goleirão esmeraldino foi para a área e teve chance de marcar o seu de cabeça. Imagina?

Uma indicação nossa que deu certo foi Fábio: o Cruzeiro fez um jogo horrível contra o Avaí e não saiu do zero, o que, com uma defesa difícil, deu oito pontos para o goleirão. Nessa rodada, está bom demais.

Maiores pontuadores da rodada: João Ricardo (Chapecoense, 11pts x Ceará em casa), Diego Alves (Flamengo, 8.2pts x Grêmio fora de casa) e Fábio (Cruzeiro, x Avaí em casa), Vladimir (Avaí, x Cruzeiro fora) e Leo (Athletico, x Botafogo em casa), todos com 8pts.

Ninguém deve aguentar mais ver foto do Cuesta aqui, mas não tem jeito. O zagueirão do Inter é o cara do Cartola
Ninguém deve aguentar mais ver foto do Cuesta aqui, mas não tem jeito. O zagueirão do Inter é o cara do Cartola

Zagueiros

Não tem jeito: Victor Cuesta é o cara. Mesmo jogando fora de casa, o zagueirão do Internacional foi um dos maiores pontuadores da rodada, com ótimas 4RB e ficando com o saldo após o 0 a 0 – melhor que ele, dessa vez, só Paulão, que fez gol na vitória do Fortaleza Indicamos também Thiago Heleno, do CAP, outro que está entre os principais zagueiros do fim de semana. Quem nos seguiu foi bem!

Fica uma decepção por Pedro Geromel. Fez 3.3pts sem SG, ok, não é de se criticar, mas esperávamos bem mais do gremista. Já Cacá, do Cruzeiro, fez o simples e saiu de campo perto dos pontos do saldo de gol, com 5.8pts.

Maiores pontuadores da rodada: Paulão (Fortaleza, 12.2pts x CSA em casa), Victor Cuesta (Internacional, 10.2pts x Corinthians fora de casa) e Thiago Heleno (Athletico, 7.9pts x Botafogo em casa).

Mesmo no irregular São Paulo, Dani Alves tem conseguido subir suas atuações de nível nas últimas rodadas
Mesmo no irregular São Paulo, Dani Alves tem conseguido subir suas atuações de nível nas últimas rodadas

Laterais

Nosso favorito da rodada era Jorge, já que achamos que, mesmo se o Santos levasse gol, o lateral poderia pontuar bem no clássico diante do São Paulo. Erro nosso, e o santista ficou apenas nos 2.5pts, decepcionando milhares de cartoleiros pelo Brasil.

Nossas outras indicações foram bem, obrigado. Orejuela teve SG e fez bons 8.3pts, enquanto Fagner aproveitou seu saldo para fazer ótimos 10pts, uma grande pontuação para laterais. Vale, no entanto, destacar Marcos Rocha: o palmeirense teve incríveis 6RB e fez 8.6pts mesmo sem saldo de gol.

Entre os maiores pontuadores, destaque para dois laterais que marcaram gols: Tinga do Fortaleza, na goleada contra o CSA, e o são-paulino Daniel Alves, no clássico da Vila Belmiro.

Maiores pontuadores da rodada: Tinga (Fortaleza, 17.5pts x CSA em casa), Daniel Alves (São Paulo, 13.9pts x Santos fora de casa) e Danilo Avelar (Corinthians, 11.5pts x Internacional em casa)

Zé Rafael era um cartoleiro nato quando vestia a camisa do Bahia: não teve ‘lei do ex’ para  marcar gol, mas teve para pontuar muito bem
Zé Rafael era um cartoleiro nato quando vestia a camisa do Bahia: não teve ‘lei do ex’ para  marcar gol, mas teve para pontuar muito bem

Meias

Aqui podemos destacar um ponto de dar raiva no Cartola. Nosso meia favorito para a rodada era Thiago Neves, que tinha boa média, pegava o lanterna, em casa, e tinha tudo para ir bem. Não foi o que aconteceu, e o camisa 10 cruzeirense mal pegou na bola durante o péssimo empate em 0 a 0 contra o Avaí. Apenas 0.1pts e prejuízo enorme para muita gente – que chegou a coloca-lo de capitão, inclusive.

Nossas outras apostas foram bem: muita gente combou a dupla de CAP Nikão e Thonny Anderson, e deve ter saído de campo satisfeita com os 12pts conquistados com os meias do Athletico.

O uruguaio Carlos Sanchez mostrou de novo porque é sempre uma boa aposta, ao fazer o gol do empate santista no clássico paulista, e Freddy Guarín também deixou o dele, no empate do Vasco contra o Goiás.

Destaque, no entanto, para Zé Rafael. Quem jogou Cartola ano passado sabe como o palmeirense era um cartoleiro nato quando defendia o Bahia, e, neste fim de semana, ao enfrentar o ex-time, voltou aos velhos tempos, fazendo ótimos 14pts e tendo só uma assistência como scout ‘grande’. O melhor meia da rodada.

Maiores pontuadores da rodada: Zé Rafael (Palmeiras, 14pts x Bahia fora de casa), Juninho (Fortaleza, 12.9pts x CSA em casa) e Carlos Sánchez (Santos, 11.8pts x São Paulo em casa)

Parte da boa temporada do Athletico passa pela regularidade de Ronny: atacante costuma pontuar bem e é opção bastante interessante
Parte da boa temporada do Athletico passa pela regularidade de Ronny: atacante costuma pontuar bem e é opção bastante interessante

Atacantes

Por mais incrível que o palmeirense possa achar, é verdade: Borja foi o maior pontuador da rodada por aqui. Seus 13.3pts com o gol da vitória diante do Bahia, além de vários scouts positivos, o credenciam a estar no topo da lista dessa rodada. É de se valorizar, hein...

Gabigol marcou o seu e vinha fazendo uma ótima pontuação, mas acabou expulso e ficou nos 7.3pts. Fará falta na próxima rodada que o Flamengo estiver em campo, porque seria opção certa.

Everton Cebolinha fez uma boa pontuação sem scout grande (5.5pts), e teria mitado se conseguisse marcar. Já Wellington Paulista e Rony, duas de nossas apostas para balançar as redes, deram apenas assistências. Mesmo assim, ficaram nos aceitáveis 7.6pts e 6.4pts respectivamente. 

Universidade escalada!

Então vamos assim: Tadeu (Goiás), Marcos Rocha (Palmeiras), Victor Cuesta (Internacional), Pedro Geromel (Grêmio) e Jorge (Santos); Nikão (Atlético-PR), Thiago Neves (Cruzeiro) e Carlos Sanchez (Santos); Rony (Athletico), Everton (Grêmio) e Wellington Paulista (Fortaleza, como capitão), em um time comandado por Abel Braga.

Fica evidente o que falamos lá atrás: aqui, preferimos tentar achar uma linha entre facilidade do confronto e qualidade do atleta, mas normalmente a segunda opção leva vantagem. Por isso, nossa linha de quatro na defesa conta com dois jogadores que jogam fora, um que pega o líder e outro que tem um clássico pela frente. Se pontuarem perto de suas médias, sairemos contentes.

Maiores pontuadores da rodada: Borja (Palmeiras, 13.3pts x Bahia fora de casa), Everaldo (Chapecoense, 11.7pts x Ceará em casa) e Arthur Caíke (Bahia, 10.6pts x Palmeiras em casa). 

* Caíque Toledo é jornalista, trabalha diretamente com futebol desde 2015 e joga Cartola desde 2006, ficando duas vezes no Top100 e com melhor desempenho em 23º na liga nacional em 2013. Faz parte do projeto da Universidade do Cartola, o @universidadedocartola no Instagram.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também