Unindo juventude e experiência: veja a retrospectiva dos zagueiros do Corinthians nesta temporada

Gil em ação na final da Copa do Brasil (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)


A linha de zaga do Corinthians nesta temporada foi marcada pela união de experiência, juventude e altas expectativas com a chegada de novos nomes. De maneira geral, a defesa do Timão fez um bom ano e correspondeu ao que era esperado, embora muito condicionada pelas atuações do goleiro Cássio em alguns momentos.

Quem é o maior favorito na Copa do Mundo? Veja votação feita na redação do LANCE!

Veja tabela da Copa do Mundo

Sobre esquema tático adotado, Vítor Pereira optou na maioria do seu trabalho por uma linha de quatro. Em algumas exceções, foi a campo com uma linha de três zagueiros, como na final da Copa do Brasil, contra o Flamengo.

Entre os destaques, é possível citar Gil - que pode ser visto, inclusive, como um dos melhores nomes na zaga da temporada. Esse ano também contou com a chegada de nomes como Balbuena e Vitor Mendes, além da ascensão de jovens como Robert Renan - que estreou este ano na equipe profissional. No Campeonato Brasileiro, foram 36 gols sofridos em 38 rodadas da competição.

GIL

Como dito antes, foi um dos melhores zagueiros do Corinthians na temporada. Com bons jogos, liderou em estatísticas do setor. De acordo com dados do FootStats, foi o melhor nas rebatidas (179) e o segundo melhor nas defesas (23) - estando somente atrás do goleiro Cássio nesta última.

Também obteve um bom desempenho tanto na Copa do Brasil, que no caso disputou até a final, e na classificação do Corinthians nas oitavas da Libertadores, contra o Boca Júniors na Bombonera. Tendo em vista o desempenho dos seus companheiros, é possível destacar que Gil foi um dos zagueiros mais sólidos e seguros do Corinthians no ano.

Apesar de ser um dos mais velhos do elenco, com 35 anos, e disputando espaço com nomes mais jovens, se provou e conseguiu segurar sua titularidade.

Jogos pelo Corinthians em 2022: 51
Gols pelo Corinthians em 2022: 2


Raúl Gustavo

Com apenas 23 anos, diferente de Gil, já não conseguiu tanta regularidade. É fato que o jovem atleta disputou bons jogos e contou com bons momentos pelo Corinthians nesta temporada - sendo o clássico contra o Santos na Copa do Brasil talvez um dos seus maiores destaques, na vitória por 4 a 0, na qual marcou um dos gols.

Mas ainda sim, algumas irregularidades apareceram durante o ano. Um bom exemplo foi a partida contra o Athletico-PR, a qual o Corinthians vencia o Furacão fora de casa, mas Raúl Gustavo fez um pênalti desnecessário.

Outro jogo que chamou atenção pelo mesmo motivo foi justamente o confronto na Bombonera, quando novamente foi responsável pelo pênalti que poderia ter tirado o Corinthians da competição. Por sorte, Darío Benedetto falhou. Muito por conta dessa série de erros, chegou a perder espaço e passou uma parte dos jogos no banco de reservas. Ao todo, disputou 33 partidas.

Jogos pelo Corinthians em 2022: 33
Gols pelo Corinthians em 2022: 4


Bruno Méndez

Emprestado ao Internacional, retorna ao Corinthians, mas não chega a jogar tanto assim. Com 22 partidas, nas vezes que entrou em campo, correspondeu. Ganhou boas oportunidades, como na Copa Libertadores.

Nessa segunda metade de temporada, foi regular em um ponto de vista mais geral. Entretanto, surge como uma opção que pode ter mais espaço no próximo ano, muito por também conseguir fazer função de lateral.

Jogos pelo Corinthians em 2022: 22
Gols pelo Corinthians em 2022: 0


Fábian Balbuena

Outro nome que chegou no meio do ano, a sua vinda foi cercada por uma expectativa enorme. Por sua primeira passagem no Corinthians ter sido de bastante destaque, retornou com a esperança de render da mesma forma. A meta era que Balbuena formasse uma forte dupla de zaga no Gil - pensando no sistema de quatro na linha de defesa, favorito de Vítor Pereira.

Mas não foi bem assim. Balbuena retornou, nos primeiros jogos em julho, em um ritmo abaixo, sem atuações de tanto destaque - tendo como referência um nível que o próprio acostumou o torcedor a esperar dele.

Mesmo assim, teve bons momentos. Desde seu retorno, foram três gols marcados. Balbuena balançou as redes no empate por 1 a 1 com o Avaí, no empate por 2 a 2 com o Internacional e na vitória por 2 a 1 com o Athletico-PR. Mas muitos fatores explicam esse rendimento aquém do esperado.

Antes de retornar ao Timão, estava Dynamo Moskva, na Rússia. Entretanto, não jogava desde maio, devido à guerra com a Ucrânia, que paralisou os campeonatos. Agora, a expectativa é ver se o paraguaio irá recuperar de vez o ritmo que se espera do seu potencial - como mostrado em 2016.

Jogos pelo Corinthians em 2022: 21
Gols pelo Corinthians em 2022: 3


Robert Renan

Um dos mais jovens, com apenas 19 anos, estreou este ano na equipe profissional do Corinthians, contra a Portuguesa-RJ, nos primeiros jogos da Copa do Brasil. Mesmo com poucas partidas ainda (apenas 13), se mostrou como um zagueiro muito promissor.

Sem grandes falhas, justificou a euforia que existe em torno do seu nome, desde a base. Quando atuou ao lado de nomes mais experientes, como do próprio Gil, mostrou segurança e capacidade de competir por um espaço entre os titulares, mesmo ao lado de companheiros com uma faixa de idade parecida.


Jogos pelo Corinthians em 2022: 13
Gols pelo Corinthians em 2022: 0


Robson Bambu

Encerrou o ano como dúvida se ficará mesmo para a próxima temporada. Anunciado como reforço para o Corinthians em janeiro deste ano, veio com muita expectativa por conta da idade (25 anos) e pela experiência no Campeonato Francês. Mas mesmo assim, foi o zagueiro menos utilizado esta temporada - com apenas 12 jogos.

Falando de desempenho, pode-se considerar também que foi um dos mais abaixo. E alguns lances explicitam este ponto. Um jogo marcante foi o contra o Always Ready, na fase de grupos da Copa Libertadores. A partida terminou empatada por 1 a 1, na Neo Química Arena, graças a uma falha dele no gol da equipe boliviana.

Contra o Fortaleza, na Arena Castelão em agosto, o Corinthians perdeu por 1 a 0 novamente graças a uma falha do atleta, quando falhou uma disputa pelo alto. Foram uma série de erros graves que poderiam ter prejudicado bastante o Timão nas competições que disputou.


Jogos pelo Corinthians em 2022: 12
Gols pelo Corinthians em 2022: 0


Mesmo que estes sejam os zagueiros de origem, neste ano em algumas partidas, Vítor Pereira chegou a improvisar nomes como o do lateral Fábio Santos. João Victor foi outro defensor revelado na base do Corinthians que jogou um pouco, mas foi embora no meio do ano para atuar no Benfica.