Uma década! Ronda Rousey relembra conquista de medalha olímpica

AgFight

Uma das pioneiras do MMA feminino e detentora de inúmeras marcas significantes no esporte, Ronda Rousey coleciona feitos ao longo de sua carreira. Atualmente na ‘WWE’ (maior liga de telecatch do mundo), a americana relembrou através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui) sua maior conquista no judô – a medalha olímpica nos Jogos de Pequim 2008. Há dez anos, ‘Rowdy’ faturou o bronze e se tornou a primeira judoca americana a subir no pódio em uma Olimpíada.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Depois dos Jogos, Ronda pendurou o quimono, iniciou sua trajetória no MMA e obteve ainda mais sucesso, ao ponto de convencer Dana White a aceitar combate entre mulheres dentro do UFC. Em pouco tempo, se tornou campeã dos pesos-galos (61 kg) e a maior estrela do Ultimate.

“Dez anos desde que eu ganhei minha medalha olímpica de bronze no Judô. Parece que foi a algumas vidas atrás”, escreveu Rowdy.

Vale ressaltar que Ronda foi a primeira atleta medalhista olímpica da história a se tornar campeã do UFC – feito recentemente igualado por Henry Cejudo. No entanto, o furacão que revolucionou o MMA feminino deixou o Ultimate e seguiu os passos do pro wrestling, onde também se tornou celebridade.

Mesmo afastada dos cages, a ex-campeã foi recentemente pioneira no MMA de novo ao se tornar a primeira lutadora mulher a integrar o Hall da Fama do UFC. E mesmo com todos esses feitos no currículo, Rousey parece não se acomodar até hoje. Agora na WWE, a atleta busca tomar o cinturão feminino da organização das mãos de Alexa Bliss – o duelo está marcado para o dia 19 de agosto, em Nova York (EUA).

Veja outras notícias de MMA

10 years since I won my Olympic Bronze medal in judo... seems like several lifetimes ago....

Uma publicação compartilhada por rondarousey (@rondarousey) em 14 de Ago, 2018 às 1:40 PDT

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também