Um dos maiores jejuns ativos no futebol europeu está prestes a cair: você sabe qual?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Para os torcedores e fãs de futebol que vinham reclamando dos desfechos 'manjados' dos principais torneios nacionais europeus, a temporada 2020/21 tem sido uma mudança grande de paradigmas e expectativas: além da Juventus destronada pela Inter de Milão na Itália e o sério risco do PSG não faturar o Francês, outra competição doméstica pode conhecer um campeão diferente neste verão. Caso isso se confirme, será o fim de um jejum que já dura quase duas décadas em solo europeu.

Estamos falando da Primeira Liga (ou 'Liga Nos'), a primeira divisão do futebol de Portugal. Polarizado entre Porto e Benfica em suas 18 últimas edições - com onze títulos indo para o Dragão e outros sete rumando à Luz -, o Campeonato Português está em vias de ter um 'novo dono', e ele atende por Sporting Clube de Portugal.

Sporting está a uma vitória de se sagrar campeão português | Octavio Passos/Getty Images
Sporting está a uma vitória de se sagrar campeão português | Octavio Passos/Getty Images

Líder invicto da competição com 79 pontos conquistados - campanha espetacular de 24 vitórias e sete empates em 31 rodadas -, o clube de Alvalade precisa de apenas uma vitória nas últimas três rodadas para se sagrar campeão sem depender de outros resultados. O Porto, atual vice-líder com 71 pontos, só tira a taça das mãos do rival alviverde caso vença todas as suas partidas e veja o Leão perder seus três compromissos.

No futebol, sabemos que não existe o "impossível", mas é fato que o Sporting está em vias de tirar o grito da garganta. E será um grito dos mais potentes, afinal de contas, está entalado desde 2001/02, temporada que marcou a última conquista de Campeonato Português pelo clube. Naquele ano, o técnico romeno László Bölöni liderou uma equipe que tinha Pedro Barbosa como grande capitão e o brasileiro Jardel como principal estrela: com 42 gols anotados, o ex-Grêmio foi o grande artilheiro da campanha do 18º título nacional sportinguista. Será que o fim do jejum será agora, 19 anos depois?

Jardel anotou 42 gols na campanha do último título do Sporting, em 2001/02 | Nuno Correia/Getty Images
Jardel anotou 42 gols na campanha do último título do Sporting, em 2001/02 | Nuno Correia/Getty Images
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos