Ultramaratonista ganha quase 15 kg para nadar o Canal da Mancha

LANCE!
·2 minuto de leitura


O ultramaratonista paulista Thiago Rebollo foi obrigado a engordar quase 15 quilos para o seu próximo desafio, que será cruzar o Canal da Mancha a nado. A prova está marcada para o período de 28 de agosto e 5 de setembro deste ano e o atleta de 36 anos saiu de quase 65 quilos para mais de 80 em poucos meses.

A travessia de Dover (Inglaterra) até Calais (França) é de 33,3 km. O trabalho de ganhar peso começou na metade do ano passado e contou com suporte da sua equipe multidisciplinar com nutricionista e médico do esporte. Além dos quilos a mais, a porcentagem de gordura corporal de Thiago Rebollo subiu de 8,5% para 20,3%. O nadador tem 1,68m de altura.

O objetivo dessa mudança é enfrentar as águas frias do canal que liga a Inglaterra e a França. Mesmo no verão do continente europeu, a temperatura das águas varia de 13 a 17 graus.

- Ainda estou me adaptando com esses quilos extras. Não está fácil ter, hoje, 14 a mais. Quero terminar bem a travessia do Canal da Mancha e suportar a água gelada. Não quero pensar em recorde pois não depende apenas de mim e sim das condições da natureza - disse Thiago Rebollo.

A dieta de Thiago Rebollo começou a ganhar mais doces, pizzas e hambúrguer, além de suplementos de massa hipercalórica. De uma média de 3 mil calorias por dia, o nadador passou a ingerir 5 mil ou mais. O acompanhamento foi feito mensalmente com check ups e retornos ao médico. Thiago Rebollo treina na piscina de seu prédio em São Paulo (SP), que não é aquecida.

Outro local escolhido pelo paulista é a Represa Billings.

- Meu sonho era classificar para o Mundial de Ironman no Havaí. Graves lesões me forçaram a abandonar o triathlon. Mas eu queria continuar sendo um atleta de longa distância, então ingressei para as ultramaratonas aquáticas - contou o nadador apoiado pela Probiótica e Mormaii.

Thiago Rebollo é o recordista geral da travessia do Leme ao pontal de 36km com a marca de 7h02min obtida em 2017. Outro resultado de expressão foi o bronze na Ultramaratona aquática Ilha do Mel de 23km.

O nadador fez o teste Desafio Pôr do Sol de 45km no ano passado e já programou para o mês de abril novamente, como parte da preparação para o Canal da Mancha.