Ultimate cancela combate entre Alex ‘Cowboy’ e Mickey Gall, agendado para fevereiro

Não será desta vez que Alex ‘Cowboy’ retornará aos octógonos do Ultimate. Escalado para encarar Mickey Gall há menos de duas semanas, o brasileiro viu seu combate, agendado para o dia 29 de fevereiro, ser cancelado pela companhia através de seu site oficial (clique aqui). O UFC não explicou o motivo da decisão e destacou que o confronto não será substituído no show, com sede em Norfolk (EUA).

Pressionado, o brasileiro vive sua pior fase no Ultimate, com três derrotas consecutivas. A última vitória de Cowboy na liga foi em setembro de 2018, quando nocauteou Carlos Pedersoli Jr no UFC São Paulo daquela temporada. Já seu rival, Mickey Gall, vem de vitória sobre Salim Touahri, em agosto deste ano.

Desde então, o meio-médio (77 kg) americano foi escolhido para encarar Carlos Condit, no UFC Washginton, realizado no dia 7 de dezembro. No entanto, o duelo foi retirado do card após o ex-campeão da categoria se lesionar. Desta forma, o cancelamento da luta contra Alex Cowboy é a segunda vez seguida em que Mickey é escalado contra um rival e vê o confronto não sair do papel.

A luta principal do UFC Norfolk, entretanto, continua de pé. O brasileiro Deiveson Figueiredo e o americano Joseph Benavidez medem forças para saber quem será o novo campeão peso-mosca (57 kg) da organização – posto vago desde que Henry Cejudo renunciou o título.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também