UFC 156: Cinco brasileiros e um cinturão em disputa

Agência O Globo

LAS VEGAS - Cinco brasileiros subirão na noite deste sábado ao octógono no UFC 156, em Las Vegas. Na principal luta, o campeão dos pesos penas (até 66kg), José Aldo, terá o maior desafio da carreira. Com apenas uma derrota em 22 lutas, enfrentará Frankie Edgar, ex-campeão dos leves (até 70kg). Se superar o boxe e as quedas do adversário com sua explosão, chutes e joelhadas, confirmará as expectativas de que pode disputar a categoria acima. As lutas começam às 21h45m (de Brasília), com o card principal, à 1h.

Aldo está longe de ser a única estrela brasileira em ação. Antônio Pezão, Rogério Minotouro, Demian Maia e Gleison Tibau calçarão suas luvas. Já o ex-campeão dos pesados Júnior Cigano e o atual campeão dos médios, Anderson Silva, devem ficar de olhos abertos: a noite pode decidir futuros adversários.

Minotouro enfrenta Evans

Distante da disputa pelo cinturão, o meio-pesado (até 93kg) Rogério Minotouro vai encarar o americano Rashad Evans, ex-campeão da categoria e que, em caso de vitória, poderá receber uma proposta tentadora: descer para os pesos médios (até 84kg) e enfrentar Anderson Silva. Presidente do UFC, Dana White não diz que sim nem que não. O brasileiro, especialista em jiu-jítsu, tem um bronze no boxe no Pan de 2007 e fez treino específico para o confronto.

- Rashad é um top 5 da categoria e acredito que seja o meu maior desafio dentro do UFC - disse Minotouro.

A terceira luta mais importante será entre os pesados (até 120kg) Antônio Pezão e Alistair Overeen. Se vencer, o holandês vai encarar o campeão Cain Velasquez, algoz de Júnior Cigano. Já o paraibano sabe que precisará de novas vitórias para brigar pelo cinturão. O meio-médio (até 77kg) Demian Maia enfrentará Jon Fitch, e o leve Gleison Tibau pegará Evan Dunham.

Exibir comentários (0)
Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar:
  • Aos 36, zagueiro Rio Ferdinand anuncia aposentadoria do futebol

    Um dos jogadores ingleses mais importantes da sua geração, o zagueiro Rio Ferdinand anunciou sua aposentadoria do futebol neste sábado, aos 36 anos. Mais »

    Estadão Conteúdo - 15 minutos atrás
  • Djoko e Murray atropelam australianos e chegam às oitavas em Roland Garros

    Djoko e Murray atropelam australianos e chegam às oitavas em Roland Garros

    O sérvio Noval Djokovic, número um do mundo, e o britânica Andy Murray (N.3) enfrentaram neste sábado jovens australianos considerados grandes promessas do tênis mundial, mas fizeram valer a experiência e avançaram sem problemas para as oitavas de final. Mais »

    AFP - 25 minutos atrás
  • Santistas querem nervos no lugar para evitar cartões por reclamação

    O Campeonato Brasileiro de 2015 chegou com uma novidade na arbitragem. Os jogadores foram avisados às véspera do início da principal competição nacional e os torcedores perceberam logo na primeira rodada que a atitude dos árbitros será mais rigorosa nesta edição, por orientação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Diante disso, os atletas do Peixe sabem que precisam se acalmar para evitar cartões bobos para não acabar prejudicando a equipe durante as partidas ou com excesso de desfalques. Mais »

    Gazeta Press - 26 minutos atrás
  • Inglês Gill recusa cargo no comitê executivo da Fifa

    Inglês Gill recusa cargo no comitê executivo da Fifa

    Informado com a reeleição de Joseph Blatter em meio ao escândalo de corrupção, o inglês David Gill, recusou-se a assumir o cargo de vice-presidente no comitê executivo da Fifa, apesar de ter sido escolhido para a função pela Uefa. Mais »

    AFP - 28 minutos atrás
  • Putin elogia o "profissionalismo" de Blatter

    Putin elogia o "profissionalismo" de Blatter

    Em meio a uma enxurrada de críticas de líderes ocidentais, Joseph Blatter continua contanto com o apoio do presidente russo Vladimir Putin, que fez questão parabenizou o suíço de 79 anos pela reeleição para um quinto mandato à frente da Fifa, apesar de entidade viver o maior escândalo de corrupção da sua história. Mais »

    AFP - 30 minutos atrás