Uefa aprova mudanças na Liga dos Campeões a partir de 2024 com mais vagas em disputa

Troféu da Liga dos Campeões da Uefa é exposto em Manchester antes de partida entre Manchester City e Real Madrid

(Reuters) - Duas vagas na Liga dos Campeões irão para federações com o melhor desempenho coletivo de seus clubes na temporada anterior, de 2024-2025 em diante, depois que o Comitê Executivo da Uefa aprovou o formato final e a lista de acesso para as competições europeias de clubes.

A Uefa também mudou os critérios para se qualificar para a principal competição de clubes da Europa, removendo o acesso com base no coeficiente de clubes, negando às equipes que historicamente se saem bem uma chance de se classificar mesmo que não terminem nas posições de qualificação.

O formato final foi aprovado em Viena nesta terça-feira.

"Os dois últimos lugares vão para as federações com o melhor desempenho coletivo dos seus clubes na temporada anterior (número total de pontos obtidos dividido pelo número de clubes participantes)", afirmou a Uefa em comunicado.

"Essas duas federações vão ganhar um lugar para o clube melhor classificado na liga nacional atrás das posições para a Liga dos Campeões."

Se a regra fosse aplicada nesta temporada, Inglaterra e Holanda ganhariam uma vaga extra, o que significa que a equipe que terminar em quinto na Premier League se classificaria junto com as quatro melhores equipes.

Com o número de equipes aumentando de 32 para 36, ​​a Uefa disse que uma vaga vai para o "clube classificado em terceiro lugar no campeonato da federação na quinta posição no ranking das federações nacionais da Uefa".

Atualmente, a francesa Ligue 1 está em quinto lugar e apenas as duas primeiras equipes se classificam para a fase de grupos, com a terceira colocada passando por etapas eliminatórias.

A última vaga será atribuída a outro campeão nacional nos playoffs do "Caminho dos Campeões".

O presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, disse que a entidade está comprometida com a "qualificação com base no mérito esportivo".

(Reportagem de Rohith Nair em Bangaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos