Uber diz que vê oportunidade no mercado de entrega de maconha

·1 min de leitura
Uber diz que considera entrar no mercado da entrega de cannabis. (Foto: KENA BETANCUR/AFP via Getty Images)
Uber diz que considera entrar no mercado da entrega de cannabis. (Foto: KENA BETANCUR/AFP via Getty Images)
  • Dara Khosrowshahi, executivo-chefe da Uber, disse que vê oportunidade na entrega de cannabis nos Estados Unidos.

  • Ele disse que quando leis federais estiverem prontas, empresa vai “definitivamente dar uma olhada nisso”.

  • Uber comprou recentemente uma startup especializada na entrega de bebidas alcoólicas.

O executivo-chefe da Uber, Dara Khosrowshahi, disse em entrevista à rede de notícias CNBC que a empresa vê oportunidade futura no mercado de entrega de maconha nos Estados Unidos, onde o uso recreativo da planta já é legal em alguns estados.

Leia também:

Para isso, falou o chefe da Uber, seria preciso primeiro a “estrada estar liberada”, referindo-se às regulamentações necessárias desse mercado. “Quando tivermos leis federais, nós vamos definitivamente dar uma olhada nisso”, disse o executivo.

As informações são de reportagem do site The Verge.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Álcool e maconha

A fala de Khosrowshahi foi no contexto de seu comentário sobre a aquisição, anunciada em fevereiro deste ano, da startup Drizly, especializada na entrega de bebidas alcoólicas.

O valor anunciado da transação foi de R$ 5,89 bilhões. As informações são de reportagem do jornal Washington Post, com informações das duas empresas.

Por enquanto, o negócio contempla apenas o território dos Estados Unidos. O negócio da Drizly foi descrita como “o marketplace líder em álcool nos Estados Unidos”.

Segundo analistas, o movimento é mais um esforço da Uber no sentido de diversificar suas fontes de renda, em um contexto em que a pandemia do novo coronavírus atingiram a rentabilidade do seu negócio de transporte por aplicativo.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos