Tudo em casa: irmãos disputam vaga de titular da França na Copa do Mundo


Alguns jogadores ao longo da história do futebol atuaram ao lado de familiares, mas, com certeza, poucos disputaram a mesma posição em campo. É o caso dos defensores Lucas e Théo Hernández, convocados pela França para a Copa do Mundo.

+ Entenda a maldição que assombra os campeões da Copa do Mundo

- É um orgulho para mim estar em uma Copa do Mundo com meu irmão, é incrível. Nós dois vamos aproveitar este momento. Se depender de mim para jogar, ficarei muito feliz, muito orgulhoso, mas ficarei tão ou mais feliz de ver meu irmão em campo. São apenas emoções lindas - declarou Lucas em entrevista recente.

Lucas no seu clube, o Bayern de Munique, costuma ser escalado como zagueiro. Porém, na seleção, Didier Deschamps, pretende utilizá-lo como lateral, onde disputará posição com seu irmão, Théo, do Milan.

- Ultimamente tenho jogado muito mais no centro, mas agora, nos últimos três jogos com o Bayern, era na esquerda. É uma posição que conheço perfeitamente e na qual me sinto muito bem e muito confortável. Você pode ficar tranquilo - disse Lucas Hernandez.

Lucas Hernández - Bayern de Munique
Lucas Hernández - Bayern de Munique

Lucas Hernandez defende o Bayern de Munique (Foto: CHRISTOF STACHE / AFP)

O lateral deixou a decisão de onde escalá-lo para o comandante. Ele também analisou as diferenças e peculiaridades de cada posição.

- Se o treinador decidir isso, vou dar o máximo para defender esta camisa. Na esquerda, é preciso saber controlar esses esforços, que são mais intensos. No centro, são esforços mais curtos. Mas eu conheço os dois perfeitamente - completou.

Com os irmãos Hernández, a França entra em campo no próximo dia 22 de novembro, contra a Austrália, no estádio Al-Janoub, em Al-Wakrah. No Grupo D, os Les Bleus ainda enfrentam Dinamarca e Tunísia.