Trio 'brasileiro' deve ser preterido em time alternativo da Seleção na Copa

A Seleção Brasileira entrará em campo com uma equipe alternativa para enfrentar Camarões, nesta sexta-feira, às 16h (de Brasília), pela última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo do Qatar. No entanto, pela formação divulgada pela CBF às vésperas da partida, é possível dizer que um trio de jogadores pode não ter chance como titular neste jogo nem na rotação do elenco. São os casos de Weverton, Everton Ribeiro e Pedro.

Coincidência ou não, os três atuam no futebol brasileiro, enquanto o restante dos convocados joga fora do país, predominantemente na Europa. Os atletas atuam por Flamengo e Palmeiras, dois gigantes do país e que têm dominado o mercado local há alguns anos, mas ainda assim eles parecem não ter convencido o treinador para as chances. Pedro e Everton Ribeiro apareceram como dúvidas na escalação divulgada.

Leia também:

O time que foi divulgado aos jornalistas pela assessoria de imprensa é: Ederson; Daniel Alves, Éder Militão, Bremer e Alex Telles; Fabinho, Fred (Bruno Guimarães) e Rodrygo (Everton Ribeiro); Antony, Gabriel Martinelli e Gabriel Jesus (Pedro).

Está certo também que os três enfrentam uma concorrência pesada para poderem atuar em suas posições. Weverton, por exemplo, tem dois concorrentes no elenco: Alisson, titular absoluto, e Ederson, que é o reserva imediato e vai jogar. Ou seja, para atuar, o arqueiro do Palmeiras e a Seleção teriam de viver algo muito incomum na Copa.

O mesmo acontece com Pedro, que enfrenta uma concorrência com outros oito atacantes convocados por Tite. Na escalação que a CBF divulgou, ele disputa uma posição com Gabriel Jesus, que foi o escolhido do treinador para entrar em campo durante as vitórias sobre a Sérvia e sobre a Suíça. O centroavante do Flamengo não saiu do banco.

Pedro aguarda uma chance na Copa do Mundo (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Pedro aguarda uma chance na Copa do Mundo (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Já Everton Ribeiro não enfrenta tanta concorrência quanto os outros dois, e até poderia ser uma solução para a ausência de Neymar, mas Tite parece ter outras opções como preferência. Paquetá, Bruno Guimarães, Fred e Rodrygo saíram na frente como alternativas para a montagem da equipe sem o camisa 10. Na escalação divulgada pela CBF, Everton disputa uma posição com Rodrygo, mas a tendência é que o "Rayo" jogue.

Nesta quinta-feira, véspera do duelo com Camarões, o Brasil faz o último treino, às 12h (de Brasília) já com os protocolos pré-jogo da Fifa, que permite 15 minutos de filmagem antes da atividade. Mais cedo, Tite e um jogador concederão entrevista coletiva oficial no centro de mídia da Copa do Mundo. Com seis pontos em dois jogos, a Seleção lidera o Grupo G. Basta um empate para garantir a primeira posição na chave.