Tricolores arrecadam apenas 20% e mosaico na Sul-Americana está por um fio

João Mércio Gomes

Depois de campanha da torcida pedindo apoio de Abad falhar, o mosaico tricolor na estreia da Sul-Americana está por um fio. Pelo lado burocrático, tudo certo. O Fluminense conseguiu autorização do Gepe e o projeto está pronto. O problema, na verdade, é o lado financeiro.

O custo total para a montagem do mosaico seria aproximadamente R$5.500,00. Nas redes sociais, a campanha ganhou força mas, na prática, não rendeu o esperado. Até agora, foram recolhidos apenas 20% do valor. Por conta do fracasso na arrecadação e pelo pouco tempo restante - apenas 12 dias para o jogo - o grupo 'Convocação Tricolor' mudou a estratégia e foi para o 'tudo ou nada'. Nesta sexta, o desenho, que seria surpresa até o dia anterior da estreia na competição, foi divulgado com os dizeres 'Força, Glória e Tradição'. (Veja na galeria acima)

A campanha começou no dia 1º de março e, na próxima quarta, será decidido se terá mosaico ou não. De qualquer forma, o dinheiro arrecadado fará parte da festa - provavelmente, com pó de arroz. A Frescatto, uma das patrocinadoras do clube, chegou a analisar uma possível ajuda, mas as conversas não foram adiante.

Para ajudar na campanha, clique aqui.

E MAIS: