Treinador que lançou CR7 no Sporting diz que teve 'problemas' por declaração sobre o craque


Treinador que lançou Cristiano Ronaldo na equipe principal do Sporting, Laszlo Bölöni revelou que teve 'problemas' quando disse que o craque português seria melhor que Figo e Eusébio. Em entrevista ao 'Marca', ele explicou o que aconteceu.

- Para mim, não foi uma surpresa. Não sabia que iria ser um dos melhores da história, mas sabia que, sem lesões, seria um jogador muito bom. Naquela época perguntaram-me numa entrevista, e eu disse que ele iria superar o Figo e até o Eusébio. Essas palavras deram-me problemas, pois são Deuses em Portugal e comparar um jovem com Deuses. Ronaldo, no entanto, demonstrou que eu estava certo - disse.

Ele contou quando foi ver Cristiano nos time juvenil e pediu para que ele subisse logo para a equipe principal.

- Fui ver o jogador aos juvenis e pedi que viesse logo para a primeira equipe, pois tinha um bom físico, era rápido e tinha grande técnica. Quando o vi em ação, decidi que não devia voltar a jogar nos times inferiores. Era uma coisa excepcional. Tinha uma maturidade fora do normal para alguém com 16 ou 17 anos.

Questionado sobre até quando o português aguentará, Bölöni disse que ninguém pode afirmar isso.

- Ninguém pode dizer até quando jogará. Tem uma qualidade que é a sua mentalidade, própria de um goleador. É muito forte e quer sempre mais. É um rapaz muito trabalhar, tem um físico privilegiado. Se não se lesionar, penso que ainda pode jogar mais vários anos.











Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também