Treinador francês afirma que com Messi inspirado, Barcelona teria feito doze no PSG

O Barcelona conseguiu o improvável, reverteu uma vantagem de quatro gols na Champions League, algo nunca antes feito por nenhuma equipe do mundo. E fez isso de forma heróica. Para Luis Fernandez, treinador francês, se Messi tivesse em um dia tão inspirado quanto Neymar, o clube catalão teria feito doze gols.

"Em uma noite onde o melhor jogador do mundo não faz seu melhor jogo, porque não está cem por cento, eles frizeram seis gols. Se Messi tivesse bem, eles teriam feito doze", analisou o ex-comandante e jogador do PSG, ao Transistor.

Barcelona PSG Messi


(Foto: Getty Images)

VEJA TAMBÉM:
Hernanes explica escolha pela China | Hazard elogia penteado de Willian | Keno vira peça-chave do Palmeiras

"Estou chateado com a maneira de jogar do PSG. Se tivessem atuado como na primeira partida teriam marcado mais gols, porque eles teriam tido mais oportunidades", acrescentou ele.

"Para mim, pode ter acontecido penalidade sobre Suárez, mas não sobre o Neymar. O assistente sinaliza, mas está do outro lado e não pode vê-lo", apontou ele.

"É esperado agora que o PSG vença todos os jogos restantes da Ligue 1 para salvar a temporada, mas o Monaco está muito bem. Laurent Blanc é meu amigo, mas os anos em que ele treinou o time, não era uma liga competitiva. Em janeiro, o PSG tinha 20 pontos à frente e este ano está quatro atrás dos líderes. O campeonato francês está mais difícil", concluiu Fernandez.