Treinador diz que Masvidal pode 'chocar o mundo' em possível luta contra astro do boxe

Jorge Masvidal já mostrou potência em suas mãos – Jason Silva/ PXImages

Após conquistar o cinturão ‘BMF’ (mais “durão de todos), Jorge Masvidal já sonha com voos mais altos na carreira. E não se trata de mais uma luta de MMA, e sim de boxe. O americano deixou as portas abertas para um duelo contra o pugilista ‘Canelo’ Alvarez no futuro e seu treinador, Mike Masvidal, aprovou a ideia.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, Mike acredita que o peso-meio-médio tenha todos os predicados para fazer uma grande luta de boxe e surpreender o mexicano, que recentemente conquistou mais um cinturão para sua galeria, o título meio-pesado da WBO (Organização Mundial de Boxe). Atualmente na carreira, Jorge Masvidal já teve 16 vitórias por nocaute na carreira, ratificando seu grande poder para levar seus adversários à lona.

“Acho que ele (Masvidal) pode ser muito competitivo e chocar algumas pessoas. Ele tem talvez o maior QI de luta que já conheci. O boxe é o local onde ele se sente mais confortável (e) o que faz mais tempo desde a adolescência. Isso é muito natural para ele. Ele também tem a capacidade de mudar as coisas e fazer coisas impressionantes com um jogo de pés único, com coisas que ninguém nunca viu”, disse o técnico.

Caso tenha essa oportunidade de fazer este combate, Masvidal seguirá os passos de Conor McGregor. No auge de sua carreira, após conquistar os cinturões peso-pena (66 kg) e peso-leve (70 kg), o irlandês obteve um acordo com o UFC para enfrentar Floyd Mayweather em uma luta de boxe que movimentou milhões de dólares. Apesar da derrota por nocaute técnico no décimo round, o irlandês se consolidou como o principal rosto promocional do UFC.

No entanto, Masvidal não terá uma missão tranquila para a realização deste confronto. Além das dificuldades normais de casar um combate entre um atleta de MMA e um boxeador, o presidente do Ultimate, Dana White, possui uma relação conturbada com Oscar De La Hoya – mandatário da Golden Boy Promotions, responsável por administrar a carreira do pugilista.

Leia também